domingo, 31 de julho de 2016



Um grave acidente foi registrado por volta das 9h deste domingo no KM 17 da BR-316 depois da cidade de Peritoró, entre Caxias e Codó.

Um caminhão da empresa FC Oliveira, passou por cima de um automóvel matando toda a família que seguia viagem. Quatro pessoas morreram.



O proprietário da empresa distribuidora de materiais de higiene e limpeza da marca Econômico é o empresário milionário FC Oliveira. Ele é pai de Nagib Oliveira, que é candidato a prefeito em Codó, cidade onde mora a família.

Chiquinho Oliveira como é conhecido detém várias empresas e negócios dentro da cidade e na região. Esse ano está entrando na vida política contando com o apoio do atual prefeito,  Zito Rolim.

Ainda não há informações das causas do acidente.






O Partido dos Trabalhadores(PT) oficializou ontem(30), a candidatura à prefeito de Indalécio e Josimar da Serraria como vice. A confirmação dos dois nomes foi anunciado durante a convenção que aconteceu em uma casa de eventos da cidade. 



Uma multidão prestigiou a convenção.

Os ex-prefeito Indalécio foi aclamado por uma multidão de mais de 3 mil pessoas, em meio a muita euforia por parte dos convencionais, que agitavam centenas de bandeiras vermelhas. O bloco de apoio à candidatura são os seguintes partido: PT, PMDB, PDT, PCdoB e PV. 

De acordo com informações ontem Governador Nunes Freire ficou vermelho em apoio a Indalécio na grande convenção. 



Uma mulher foi acusada por populares de haver deixado um bebê dentro do carro, no sol quente de São Luís, na manhã deste sábado (30).
Segundo vídeo gravado no local, o caso ocorreu no São Cristóvão, quando transeuntes perceberem que a criança havia sido deixada no interior do veículo fechado.
A Polícia Militar foi acionada e teve que quebrar um dos vidros para retirar o bebê.
Nas imagens não é possível identificar quem seriam os responsáveis, embora apareça uma mulher aparentemente dando explicações aos PMs.
Veja no vídeo acima.



Liderado por André Dourado, o Partido Republicano (PR), em conjunto com o PEN, PSDB,PTB,PMN,DEMOCRATAS,PSB,PRP e PCdoB, realizou neste sábado (30) a convenção que homologou o nome de ANDRÉ DOURADO como candidato a prefeito do município 


Uma multidão prestigiou o evento, realizado na Escola Tarquinio Lopes Filho. Durante a convenção foi a presentado o nome de Milton Maia (PSDB) para o cargo de vice e os nomes dos candidatos a vereadores que apoiam as candidaturas de André Dourado. 


O candidato a prefeito afirmou que se sente firme, preparado e confiante na população de Carutapera. “Temos história aqui em Carutapera e vamos trabalhar para fortalecer cada vez mais nossas bases e trabalhar pelo povo dessa querida cidade”, disse.
sábado, 30 de julho de 2016

O Partido Comunista do Brasil -PCdoB realizou hoje (30), juntamente com os partidos aliados, a sua convenção municipal em Presidente Médici. Filiados e simpatizantes participaram do momento, que confirmou o nome de Emílio Weba para pleitear o cargo de prefeito de Presidente Médici nas eleições de outubro.


Na grande festa da Democracia foram escolhidos como Candidatos a Prefeito e Vice-Prefeito os nomes de Emilio Cesar Weba (Emilio Weba) do PCdoB para Prefeito Municipal e Eliel do PROS para Vice-Prefeito Municipal. 


Todos os Partidos da Coligação apresentaram Candidatos a Vereadores e a alegria tomou conta de todos que tornaram o recinto do Ginásio Poliesportivo Antônio José Pinheiro Pereira pequeno para tanta gente que se acotovelaram para ouvir pronunciamentos calorosos e muito aplaudidos de representantes ilustres da Política Medicense, tais como os ex Presidentes da Câmara Carola, Hilton Barros e João Maroca, a ex Vice Prefeita Vera Lúcia , a secretária de Assistência Social a Doutora Hildeane que esteve representando a Prefeita Élia,Empresários do Município e Vereadores. entre outros que se sagraram candidatos nesta Convenção. 

Após o evento uma grande multidão seguiu em caminhada acompanhando Emílio e Eliel pelas ruas e Praças da cidade e a festa continuou contagiando a todos. A Coligação está de Parabéns pelas felizes escolhas de seus candidatos.


O Tribunal de Contas do Estado do Maranhão, no primeiro julgamento das contas do ex-prefeito de São Bento, Luis Gonzaga Barros, decidiu reduzir o valor da multa aplicada a ele e também à esposa Arcângela Moreira, mas no final, em parecer assinado pelo conselheiro Edmar Cutrim, a dupla foi condenada por irregularidade nas conta da Saúde durante o ano de 2009.
Com contas julgadas irregulares, dificilmente o ex-prefeito Luzinho, como é mais conhecido, poderá se candidatar por se tratar de ficha suja.

Recentemente ele foi preso pela Polícia Federal por participação em esquema fraudulento contra a Previdência.

Via Diego Emir



Segundo o MPF, a não colaboração do aplicativo fere Marco Civil da Internet.


As briga judicial com o WhatsApp já rendeu vários bloqueios do aplicativo no Brasil. -Reprodução

Você sabia que o WhatsApp corre o risco de ser banido no Brasil? Isso pode acontecer caso o aplicativo não cumpra as exigências do Ministério Público Federal. Uma nota do MPF, divulgada nessa quinta-feira (28), deixa implícito que a ausência de colaboração fere o Marco Civil da Internet e, por isso, sanções devem ser tomadas.


As briga judicial com o WhatsApp já rendeu vários bloqueios do aplicativo no Brasil. Por causa dessas frequentes disputadas, o MPF afirma que o WhatsApp pode voltar a ser bloqueado e, se nada mudar, poderá até ser banido.

O aplicativo, por sua vez, alega que não pode fornecer as conversas dos usuários, porque elas possuem criptografia de ponta-a-ponta, ou seja, ninguém tem acesso ao que foi escrito, além dos usuários.

Veja partes da nota do MPF

"O Ministério Público Brasileiro e o Conselho Nacional dos Procuradores-Gerais, considerando ser necessário alertar a sociedade brasileira sobre prejuízos que vêm ocorrendo às investigações relacionadas aos diversos crimes praticados por meio da internet pelo descumprimento da legislação brasileira por empresas estrangeiras que prestam serviços no Brasil, vêm a público expor e relatar o que segue... O Artigo 11 do MCI determina que empresas que prestem serviços no Brasil (a brasileiros), ainda que aqui não possuam filiais, devam observar a lei brasileira quanto aos procedimentos de coleta, armazenagem, guarda ou tratamento de dados de registro, dados pessoais ou dados de comunicações... Empresas ou se negam a guardar os registros de acesso pelo período legal (algumas não armazenam por nenhum período), ou os apagam antes de findo o prazo legal e, por tais motivos, vêm descumprindo sistematicamente ordens judiciais brasileiras, o que dificulta ou mesmo inviabiliza a responsabilização cível e criminal de autores de atos ilícitos na internet". Sobre as sanções, o MPF também deixou claro que elas são legais no que toca a lei: "A suspensão temporária da coleta, armazenamento, guarda e tratamento de registros de dados pessoais, prevista no inciso III do Artigo 12, é medida subsidiária a ser adotada quando outras sanções capazes de inibir o descumprimento das ordens judiciais – a exemplo de advertências, multas e bloqueio de contas bancárias dessas empresas–, não forem suficientes para fazer cumprir a legislação vigente. Tais medidas devem ser usadas sempre que necessário, após o esgotamento de outras menos gravosas... Diferentemente do que alegam, as empresas de aplicativos de Internet, como Facebook e WhatsApp, não colaboram de forma plena e efetiva, conforme exigem as leis brasileiras, nem manifestaram real disposição para negociar caminhos efetivos para o fornecimento imediato de dados determinados por ordem judicial...Uma vez que essas empresas se negam a cumprir as normas brasileiras, fica configurada a inadequação do serviço por elas prestado no País".



Motel Aquarium em São Luís, local da tragédia
Faleceu  na noite desta sexta-feira (29), no Hospital Municipal Djalma Marques, o Socorrão I, o filho de um sargento da Policia Militar do Maranhão, vítima de suicídio ocorrido dentro de uma das suítes do motel Aquarium, localizado na Avenida General Arthur Carvalho, no bairro Turu, em São Luís.

Washington Luis Cantanhede Santos, de 20 anos, disparou contra a própria cabeça mas acabou atingindo o ouvido. Ele foi socorrido ainda com vida mas não resistiu ao ferimento.

A vítima chegou ao motel com duas mulheres e logo em seguida funcionários do local ouviram disparos de arma de fogo. Houve tumulto e gritaria na pousada.

Ainda não há confirmação mas especula-se que Washington sofria de depressão e havia terminado recentemente um relacionamento amoroso.

Neste momento o Instituto Médico Legal de São Luís já desloca-se para o Socorrão I para remoção do corpo do jovem.

O Tribunal de Contas do Estado do Maranhão (TCE-MA),julgou regulares com ressalvas as contas prestadas pelo Vereador e Pré Candidato a prefeito André Santos Dourado,no exercício financeiro de 2004.


Sendo assim, André é ficha limpa, e tem o direito de disputar as eleições como candidato a prefeito pelo PR. André já havia se manifestado anteriormente sobre o assunto, quando se dizia tranquilo quanto à decisão, logo que não ouve dolo aos cofres públicos.


A certidão foi publicada no dia 27, no site do Tribunal de Contas do Estado do Maranhão (TCE-MA), onde é possível verificar informações sobre o candidato. 

A atualização da certidão só não foi feita ainda em razão de que o Acordão 711/2016 ter sido publicado somente nesta quarta feira.

Enquanto isso a oposição desesperada usa um arsenal de Blogs na intenção de denegrir a imagem de André.



sexta-feira, 29 de julho de 2016

Os candidatos Sissi Viana , Karine Andrade, Junior Matos e Neto do Gelo resolveram bater de frente até na data escolhida para a realização das convenções partidárias. Todos os quatro candidatos anunciaram que farão convenção no último dia de prazo que é a sexta-feira, dia 5 de agosto.Todos quatro eventos acontecerão na parte da manhã. 

O candidato Junior Matos,mesmo enfrentando problemas com sua prestação de contas junto ao TCE,que teve pedido de vista pelo MP, realizará sua convenção na sede do Lajota a partir das 09 da manhã. 

                                   Convite de Junior Matos



Já o empresário e candidato Neto do Gelo realizará sua convenção na sede do Preto,no Bairro do Monte Sião a partir das 09 da manhã. 

                 Convite de Neto do Gelo



Já a candidata Karine Andrade realizará sua convenção no Salão Paroquial a partir das 09 da manhã. 


Convite de Karine Andrade



É grande a expectativa em torno da realização da grande convenção do PSDB e partidos aliados, em Godofredo Viana/MA, que tornará válida a candidatura do empresário e grande favorito as eleições de Outubro. O evento será realizado dia 5 de Agosto, a partir das 09:00h da manhã 


Lideranças políticas municipais e regionais, já confirmaram suas presenças.O nome de Sissi, segue com aceitação notável do eleitorado Godofredense, mesmo com a apelação da oposição, que recentemente chegou a anunciar factoides, visando atingir a imagem do pré-candidato. 

A grande convenção, que promete reunir um grande número de populares, além de apresentar todos os pré-candidatos ao legislativo do município, será realizada na Sede do Rodô,popularmente conhecido como Kiosk do Rodô. 


De forma carinhosa e especial, o Pré candidato á prefeito estende o convite a toda sociedade godofredense, para participar desse grande ato político-democrático. 


Veja abaixo convite oficial do evento:





Assaltantes usaram uma cadeira de rodas para não passar pelo detector de metais e entrar                                                         armados. (Foto: via Whatsapp)

O vigilante Alcindo de Sousa Rayol, de 56 anos, morreu baleado por assaltantes que invadiram um posto de atendimento do Banco da Amazônia, localizado na avenida Generalíssimo Deodoro, no bairro de Nazaré, em Belém, Capital Paraense, nesta sexta-feira (29). Um deles se disfarçou de deficiente visual e cadeirante.


De acordo com a Polícia Civil, pelo menos três homens - dois deles vistos nas imagens de segurança - participaram diretamente do crime. Há também a suspeita de que uma quarta pessoa teria dado apoio na fuga. 



O crime aconteceu após o acesso à área interna do banco ter sido liberada para o falso cadeirante para que não passasse pela porta detectora de metais.


Os suspeitos, então, anunciaram o assalto e trocaram tiros com um dos seguranças da agência, que acabou atingido. Além de render os funcionários e roubar o dinheiro, levaram também as armas dos dois seguranças.

De acordo com o sindicato da categoria, esta é a terceira morte de vigilante desde novembro de 2015.

Nota da Policia Civil

Em nota, a Polícia Civil informou que policiais militares da Rotam perseguiram os bandidos até eles abandonarem o veículo e empreenderem em fuga a pé.

Até a atualização desta reportagem, as buscas na área continuaram.

A polícia também informou que está com posse das imagens do circuito de monitoramento do posto bancário e que estão sendo analisadas, visando a identificação de pelo menos dois suspeitos envolvidos no crime. 

As investigações serão realizadas pela Delegacia de Repressão a Roubos a Bancos (DRRB) e da Divisão de Repressão a Furtos e Roubos (DRFR).



Ex-presidente Lula tentou obstruir Lava Jato
A Justiça Federal aceitou hoje (29) denúncia apresentada pelo Ministério Público Federal no Distrito Federal (MPF-DF) contra o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva, o ex-senador Delcídio do Amaral, e mais cinco acusados pelo crime de obstrução das investigações da Operação Lava Jato.

Com a decisão, Lula e Delcídio passam à condição de réus na ação penal, além do ex-controlador do Banco BTG André Esteves, Diogo Ferreira, ex-chefe de gabinete de Delcídio; o empresário José Carlos Bumlai e o filho dele, Maurício Bumlai, e o advogado Edson Ribeiro.

Todos os envolvidos são acusados de tentar impedir o ex-diretor da Área Internacional da Petrobras Nestor Cerveró de assinar acordo de delação premiada com a força-tarefa de investigadores da Operação Lava Jato.

Na semana passada, o MPF reiterou a denúncia contra os acusados, que já haviam sido denunciados ao Supremo Tribunal Federal (STF), pelo procurador-geral da República, Rodrigo Janot.

No entanto, no dia 24 de junho, o ministro Teori Zavascki remeteu o processo para a Justiça Federal em Brasília, por entender que a suposta tentativa de embaraçar as investigações ocorreu na capital federal. Além disso, com a cassação do mandato de Delcídio do Amaral, nenhum dos envolvidos permaneceu com foro privilegiado na Corte.

Outro lado

Em nota, a defesa do ex-presidente afirmou que ainda não foi notificada do recebimento da denúncia, mas disse que, ao final do processo, a inocência de Lula será “certamente reconhecida”. Os advogados também informaram que o ex-presidente já esclareceu à Procuradoria-Geral da República (PGR) que” jamais interferiu ou tentou interferir em depoimentos relativos à Lava Jato”.

“A acusação se baseia exclusivamente em delação premiada de réu confesso e sem credibilidade – que fez acordo com o Ministério Público Federal para ser transferido para prisão domiciliar. Lula não se opõe a qualquer investigação, desde que realizada com a observância do devido processo legal e das garantias fundamentais”, concluiu a defesa.

As defesas de José Carlos Bumlai e Maurício Bumlai afirmaram que os réus nunca tentaram impedir o acordo de delação de Nestor Cerveró. O advogado da André Esteves, Antônio Carlos de Almeida Castro, afirmou que o ex-senador Delcídio do Amaral negou em depoimento o envolvimento do ex-controlador do BTG Pactual no caso.

Fonte: EBC
Os bastidores da política em Godofredo Viana está pegando fogo,ao todo seis nomes são cogitados para disputa das eleições deste ano. Sissi Viana,Junior Matos,Neto do Gelo,Karine Andrade,Norma Borges e Geiza Leite.


Um dos pré-candidato a prefeito de Godofredo Viana a cima citados, já revelou para alguns aliados que deverá anunciar nos próximos dias a desistência de sua postulação ao cargo de prefeito da cidade.

A decisão já teria sido comunicada a alguns pré candidatos a vereador e aliados próximo, liberando-os a tomarem outro rumo, ou seja, apoiarem outras pré-candidaturas a prefeito .





Um capotamento na estrada de acesso ao Povoado Freixeirinha, entre as cidades de Tutoia e Água Doce do Maranhão, na noite desta quinta-feira (28), terminou em tragédia.

Três pessoas que viajavam em uma Toyota Bandeirante morreram e mais 14 ficaram feridas. O veículo – modelo geralmente usado na região dos lençóis maranhenses – teria perdido o controle da direção e acabou capotando.

Segundo informações divulgadas por blogs da região há feridos em estado grave com risco de morte. Alguns foram levados para o hospitais em Parnaíba no Piauí.

A auditoria realizada pelo Tribunal de Contas do Estado no mês de maio de 2015, identificou fortes indícios de direcionamento da licitação do município de Carutapera em favor dos credores nas contratações para aquisição de material de consumo (expediente/didático escolar e limpeza/higiene), no exercício de 2015.

Os fiscais detectaram que apenas as duas empresas participaram da licitação, o que tornou a vitória inevitável. No ano de 2014 não foi diferente. Das licitações analisadas também para aquisição de material de consumo, a Papelaria J&J venceu todas e o Comercial Cordeiro venceu quatro das cinco.

“Diante do exposto, constatou-se indícios de irregularidades que restringem indevidamente o caráter competitivo na contratação com o ente público. Infringindo também, o Princípio da Isonomia”, aponta trecho do relatório de inspeção.

Também foi constatado que os contratos 059/2015 A e 059/2015 B, 053/2015 A e 053/2015 B, 055/2015 A e 055/2015 B, 057/2015 A e 057/2015 B celebrados com as empresas citadas não foram publicados na Imprensa Oficial, descumprindo o disposto no parágrafo único do artigo 61 da Lei 8666/93.

Além disso, não houve apresentação de processos de pagamentos referentes à execução do Pregão Presencial N° 06/2015. Dentre as irregularidades encontradas também constam: a inexistência de Portaria designando o fiscal do contrato e a ausência de documentos que comprovem a realização de pesquisa de preço previamente à fase externa do Pregão Presencial 03/2015.











Um dos primeiros atos do prefeito João Jorge Lobato ao assumir a prefeitura de Santa Helena foi criar a Secretaria Municipal de Igualdade Racial para trabalhar no apoio e valorização do povo do município, em parceria com os sindicatos, associações e movimentos, como os quilombolas e Moquibom e demais grupos sociais que lutam pela desigualdade entre as etnias.

Um importante trabalho desenvolvido pela Secretaria foi a demarcação do território de Pau Pombo, na região da Chapada. Durante três meses um antropólogo, acompanhado de assistentes contratados pela prefeitura, estiveram percorrendo todos os povoados da região fazendo demarcação da terra e registrando em GPS as informações de coordenadas para mapeamento, passo importante para que os quilombolas do povoado recebam o título de suas propriedades. O mapa de demarcação do território foi apresentado aos moradores em uma grande festa cultural com direito a comidas típicas e o tradicional tambor de crioula.

Outras ações foram desenvolvidas pela Secretaria, como seminários e foruns para discutir o Plano Municipal de Promoção da Igualdade Racial, Conselho de Igualdade Racial, comemoração do Dia da Consciência Negra, entre outros. 

A luta dos quilombolas desde o início do mandato do prefeito Lobato.

Via Herasmo Leite

Nilson Rodrigues do Nascimento levava a vítima para sua casa, entregava um videogame portátil e colocava a vítima em posições sensuais



Sentença de Nilson Rodrigues do Nascimento foi proferida pela 2ª Vara de Codó (Foto: Divulgação)


CODÓ - Sentença proferida pela 2ª Vara de Codó condenou Nilson Rodrigues do Nascimento, que abusava sexualmente, tirava fotos e gravava vídeos de uma menina de 6 anos de idade. De acordo com a sentença, o homem teria perdido um estojo com documentos pessoais, celular e diversos cartões de memória. O estojo foi encontrado e levado para a Delegacia de Polícia que, ao analisar o conteúdo do cartão de memória, acabou encontrando as fotos de criança em situação de abuso sexual.


De acordo com a denúncia, ele estava sendo acusado dos crimes de estupro de vulnerável e fotografar cena pornográfica envolvendo criança. Foi deferida a prisão preventiva do acusado, que era tido como um evangélico na zona rural, fato que facilitava a sua entrada na comunidade. A criança de apenas 6 anos foi ouvida por meio do sistema de depoimento especial, tendo inclusive demonstrado sentimento pelo acusado.

A defesa alegou insanidade mental de Nilson, pedindo pela absolvição, tese não acatada. O processo foi presidido e sentenciado pelo juiz titular da 2ª Vara, Holídice Cantanhede Barros. Após toda instrução, o acusado foi sentenciado a uma pena de 18 anos, 2 meses e 20 dias de reclusão em regime fechado.

Denúncia

Narra a denúncia que o acusado levava a vítima para sua casa, localizada no Povoado Santa Rita do Deusdete. Lá, ele entregava um videogame portátil, colocava a vítima em posições sensuais e tirava fotos dela. “Relata a acusação que a ação delituosa foi descoberta porque o acusado veio até esta cidade e perdeu um estojo contendo uma carteira porta-cédulas, cor preta, 14 cartões de memória, 2 adaptadores para cartões de memória, um chip e seu RG. O referido estojo foi encontrado e devidamente entregue no prédio onde funciona a empresa FC TV e Rádio, pois é um costume local deixar objetos e documentos perdidos em via pública em emissoras de rádio e televisão”, diz a sentença.

“Resta comprovado que o réu Nilson praticou ato libidinoso, consistente em passar a mão sobre a região genital da vítima, menor de 14 anos, bem como fotografou cena pornográfica envolvendo a citada ofendida (...). O acusado se valeu da relação de hospitalidade para colocar em prática seu intento criminoso, isto é, cometeu o delito mediante o favorecimento das constantes visitas que a infante fazia a sua residência”, diz a sentença.

Imirante
quinta-feira, 28 de julho de 2016
Via Gilberto Lêda



O deputado federal Jair Bolsonaro (PSC-RJ) mandou um recado aos maranhenses.

Num vídeo em que é abordado por PMs de Bacabal – durante uma visita à base da Força Nacional, no Rio de Janeiro – ele é instado a mandar um recado ao 15º Batalhão de Polícia de Bacabal.

Logo após ser informado de que a cidade fica no Maranhão, Bolsonaro emenda:

“O Maranhão tem que deixar de ser comunista, hein? Vocês pisaram na bola elegendo esse governador”.


O juiz Thadeu de Melo Alves, titular de Bacuri, proferiu sentença sobre o caso de irregularidades no processo licitatório de empresa que seria responsável pela contratação de transporte escolar no município. A ação tinha como réus José Baldoino Nery (Prefeito de Bacuri), Célia Vitória Nery (ex-Secretária Municipal de Educação), Gersen James Correa (Presidente da Comissão de Licitação), Flávia Regina Assunção (Secretária da Comissão), Maria José Nascimento (membro da comissão), Vagno Setubal (pregoeiro), Raimundo Nonato Amorim (integrante da equipe de apoio), Arcy Fonseca Gomes (Assessor Jurídico de Bacuri), Andrew Fabrício Santos (Sócio da Conservis), e Conservis Construções, Comércio e Serviços LTDA. Destes, Flávia Regina, Maria José, Raimundo Amorim e Arcy Fonseca foram absolvidos.

D20 que transportava crianças.

Os outros receberam condenação, entre os quais o prefeito José Baldoíno, por conta de irregularidades no procedimento licitatório Pregão Presencial nº 008/2013, cujo objeto seria a realização serviços de locação de veículos, motocicletas e máquinas pesadas, para o transporte escolar do Município de Bacuri, no valor de R$ 1.092.700,00 (um milhão, noventa e dois mil e setecentos reais), caracterizadas como atos de improbidade administrativa.

O Ministério Público ressalta que após o acidente ocorrido no dia 29 de abril de 2014 no Povoado Madragoa, localidade de Bacuri, envolvendo estudantes da rede pública estadual que eram transportados em uma caminhonete do tipo “pau de arara” culminando na morte de 8 (oito) adolescentes e em lesões corporais em outros 08 (oito) adolescentes, foi instaurado Procedimento Preparatório n° 001/2014, com a finalidade de fazer o levantamento das condições do transporte escolar de crianças e adolescentes da rede pública municipal de ensino.

Durante o trâmite deste procedimento foram encontradas diversas irregularidades no Pregão Presencial n° 008/2013, dentre as quais: ausência de documento, em desacordo com o Decreto n° 3.555/2000, no caso, o termo de referência; a não publicação de resumo do edital e resultado da licitação; não realização de consulta de preços correntes no mercado e inexistência de concorrência licitatória; subcontratação integral de serviços de transporte escolar; e contratação de empresa para prestação de serviço de transporte escolar sem processo licitatório ou devido processo de dispensa de licitação. Diante das irregularidades citadas o Ministério Público ajuizou a ação de improbidade administrativa, pedindo, ao final, pela condenação dos réus.

Inicialmente, cumpre mencionar que durante audiência de instrução e julgamento foram fixados os seguintes pontos controvertidos a servirem de suporte para a sentença: irregularidades na licitação para contratação de transporte escolar no ano de 2013, em que se sagrou vencedora a empresa Conservis – Pregão 008/2013; Ausência de licitação para a prestação de transporte escolar no primeiro semestre de 2014; Irregularidades na licitação para contratação de transporte escolar no ano de 2014, em que se sagrou vencedora a empresa E M Serviços – Pregão n° 07/2014; E a execução irregular e ausência de fiscalização dos serviços de transporte escolar no Município.

A vencedora da licitação na modalidade pregão foi a empresa CONSERVIS CONSTRUÇÕES COMÉRCIO E SERVIÇOS LTDA-ME, que firmou contrato com o Município de Bacuri, pelo valor global de R$ 1.092.700,00 (um milhão, noventa e dois mil e setecentos reais), dividido em 03 (três) lotes, sendo o primeiro lote para a manutenção e funcionamento da Secretaria Municipal de Saúde e Saneamento, no valor de R$ 157.500,00 (cento e cinquenta e sete mil reais); o segundo lote para manutenção do transporte escolar no valor de R$ 600.000,00 (seiscentos mil reais); e o terceiro lote para manutenção de atividade da Secretaria Municipal de Planejamento Orçamento e Gestão, no valor de R$ 335.200,00 (trezentos e vinte e cinco mil e duzentos reais), com vigência de 10 (dez) meses, a qual se encerraria na data 31 de dezembro de 2013.

“Após todo o trâmite processual verifica-se que a tese Ministerial funda-se em 03 (três) pilares: a) Da irregularidade na documentação do Pregão Presencial n° 008/2013; b) Da subcontratação integral de serviços de transporte escolar; e c) Das reais condições do transporte escolar no Município de Bacuri/MA, no ano de 2013, os quais somados a prova oral produzida, denotariam a ocorrência de fraude no Pregão Presencial n° 008/2013”, ressalta o magistrado na decisão.

Um dos pontos citados na ação versa sobre a subcontratação integral de serviços de transportes escolar pela empresa CONSERVIS CONSTRUÇÕES COMÉRCIO E SERVIÇOS LTDA-ME, a qual, embora vencedora do certame, não possuiria capacidade técnica, material, econômico-financeira e humana, para a execução dos serviços, além do fato desta pertencer a um sobrinho do vice-prefeito Municipal, à época, aliado dos réus. Essa constatação se deu após análise e confrontação de alguns documentos recebidos pelo Órgão Ministerial que investigou as irregularidades no Transporte Escolar do Município de Bacuri, no ano de 2013. O acidente com transporte escolar em um povoado de Bacuri tomou proporção nacional.

Destaca a sentença: “Conforme explanado, no ano de 2013 foi realizado o processo licitatório Pregão Presencial n° 008/2013, do qual se sagrou vencedora a empresa CONSERVIS CONSTRUÇÕES COMÉRCIO E SERVIÇOS LTDA-ME, que firmou contrato com o Município de Bacuri, pelo prazo de 10 (dez) meses, pelo valor global de R$ 1.092.700,00 (um milhão, noventa e dois mil e setecentos reais), sendo que desse total, R$ 600.000,00 (seiscentos mil reais) seriam destinados para manutenção do transporte escolar no Município de Bacuri/MA, dentro dos padrões exigidos pela lei (…) Entretanto, conforme consta na inicial, no ano em referência, a prestação do serviço de transporte escolar no Município de Bacuri, se deu de forma precária, vez que era realizado em veículos inapropriados, muita das vezes conduzidos por motoristas sem habilitação”.

E continua: “Da documentação acostada à inicial (fls. 86/107), verifica-se que de um total de 33 (trinta e três) veículos listados pela Prefeitura Municipal como meio de transporte escolar, haviam 07 (sete) D20’s (pau de arara) e 12 (doze) motocicletas, ou seja, mais da metade da frota constituída por veículos inapropriados para o serviço a que se destinavam. No caso, as 07 (sete) D20’s utilizadas, não poderiam ser consideradas veículos de transporte escolar, haja vista tratarem-se de veículos de carga, além de antigos e improvisados com bancos de madeira, sem cinto de segurança e sem a inscrição ESCOLAR na lateral, assim como as motocicletas, que sequer preenchem um mínimo de segurança necessária para a atividade, sendo tais inobservâncias violações ao art. 136, incisos I a VII, e art. 137, do CTB”.

Por fim, decide, quando da pena imposta aos réus considerados culpados, considerando a extensão do dano causado à coletividade, a gradação da improbidade praticada, sua repercussão no erário, “aplico aos requeridos condenados as seguintes penalidades: No que se refere ao ressarcimento integral do dano, determino aos condenados o ressarcimento integral do valor do contrato, qual seja, R$ 1.092.700,00 (um milhão, noventa e dois mil e setecentos reais), no percentual de 90% (noventa por cento) aos reús Célia Vitória e José Baldoíno Nery, de modo solidário, e no percentual de 10% (dez por cento), também solidariamente, aos réus Andrew Ferreira, e a CONSERVIS CONSTRUÇÕES COMÉRCIO E SERVIÇOS LTDA”.

“Condeno ainda os réus, pessoas físicas, à perda de suas respectivas funções públicas, caso ainda a detenham; Considerando a gravidade das consequências geradas pelo ato ímprobo, bem com sua extensão, determino a suspensão dos direitos políticos pelo período máximo, qual seja, de 08 (oito) anos para todos os réus, com exceção da pessoa jurídica, por ser esta penalidade incompatível com sua natureza. Multa civil, a ser paga solidariamente por todos os condenados, incluindo a pessoa jurídica, no valor correspondente a 01 (uma) vez o valor do dano, qual seja, R$ 1.092.700,00 (um milhão, noventa e dois mil e setecentos reais), devidamente corrigida monetariamente, pelo INPC, e juros moratórios de 1,0% ao mês, contados da época dos fatos (abril de 2014) até a data do efetivo pagamento.

Em relação à ré, pessoa jurídica, CONSERVIS CONSTRUÇÕES COMÉRCIO E SERVIÇOS LTDA-ME, determino, para efeito de pagamento da multa civil, bem como para ressarcimento integral do erário, a desconsideração da pessoa jurídica, devendo em caso de ausência de patrimônio a dívida recair sobre os seus sócios-administradores, ainda que não tenham sido condenados por esta sentença. Proibição a todos os condenados, incluindo a pessoa jurídica, de contratar com o poder público ou receber benefícios ou incentivos fiscais ou creditícios, direta ou indiretamente, ainda que seja por intermédio de pessoa jurídica da qual seja sócio majoritário, pelo período de 03 (três) anos.

“Essa ação foi inciada em outubro de 2014 e, agora, concluída em 2016. O Poder Judiciário deu resposta à sociedade, julgando, em menos de dois anos, um processo dessa complexidade”, finalizou o juiz Thadeu de Melo Alves, que chegou em Bacuri em agosto de 2015.


A população do município de Carutapera/MA, vive momentos de ansiedade, com a aproximação da grande convenção do pré-candidato a prefeito do município, André Dourado (PR). 


O nome de André caiu no gosto popular e segue disparadamente como o mais cotado a ocupar a principal cadeira do poder executivo, a partir de 1º de janeiro de 2017. 


A convenção do pré-candidato será realizada neste Sábado (30) de Julho,no Colégio Tarquinio Lopes Filho,a partir do meio dia, e terá a participação especial do Deputado Estadual Josimar de Maranhãozinho, Jader Dias e Adilson Dourado.


A ocorrência foi registrada por volta das 02h00 da madrugada da última quarta-feira (26) em Boa Vista do Gurupi. De acordo com as informações repassadas pela polícia, os bandidos teriam aberto um buraco inicial no banheiro da agência do Bradesco da cidade, que faz fundo com a beira do rio Gurupi. Na ações os indivíduos tentaram abrir o caixa eletrônico do banco, mas não obtiveram êxito no ato. Chateados por não terem conseguido o objetivo, os bandidos resolveram adentrar na agência dos Correios da cidade através de um buraco aberto em uma das paredes da agência, porém, assim como na primeira ação, estes não obtiveram êxito no segundo ato.
Humberto Coutinho Dep. Estadual e atual Presidente da AL-MA


O Pleno do Tribunal de Justiça do Maranhão (TJMA) recebeu denúncia do Ministério Público do Maranhão (MPMA) contra o deputado estadual e atual presidente da Assembleia Legislativa do Maranhão, Humberto Coutinho, por suposto ato praticado enquanto exercia o cargo de prefeito da cidade de Caxias.

O MPMA acusou o ex-prefeito pelo desvio de R$ 1 milhão, proveniente de um convênio assinado entre a Prefeitura de Caxias e a Secretaria Estadual de Saúde, em maio de 2006, cujo objeto era aquisição de equipamentos para instalação de uma Unidade de Terapia Intensiva (UTI), no Hospital Dr. João Viana, no Município de Caxias.

Procedimento investigatório do Ministério Público teria apurado irregularidades na aplicação das verbas recebidas, que não teriam sido aplicadas corretamente e a prefeitura não teria instalado a UTI. O MPMA também informou sobre o pagamento de quatro empresas, porém não houve comprovação da realização do procedimento licitatório necessário.

A defesa pediu a rejeição da denúncia, alegando ausência de justa causa e que os elementos levantados pelo Ministério Público teriam sido produzidos unilateralmente e se resumiriam à mera opinião. Negou também a fragmentação, licença ou inexigibilidade da licitação.
O relator do processo, desembargador José Bernardo Rodrigues, decidiu receber a denúncia (Foto: Ribamar Pinheiro)
O relator, desembargador José Bernardo Rodrigues, decidiu receber a denúncia para que os fatos sejam devidamente instruídos, uma vez que não há provas de que o convênio foi devidamente cumprido pela Prefeitura.

O magistrado ressaltou fatos, como o pagamento de dois equipamentos de Raio-X, que não foram instalados, e o impedimento aos técnicos da Secretaria de Saúde de realizarem inspeção no Hospital Dr. Jorge Viana.

“O processo irá permitir que a ampla defesa seja exercida e a regularidade do uso dos recursos possa ser demonstrada”, avaliou o desembargador.

A decisão do Plenário foi unânime, sem os votos do presidente do Tribunal de Justiça do Maranhão, desembargador Cleones Cunha, e do desembargador Raimundo Barros, em razão de impedimento.

(Processo: 54162016)

Um homem de 53 anos foi preso ontem, 27, por Policiais da Delegacia de Proteção a Criança e ao Adolescente (DPCA) acusado de abusar da própria filha, de 16. Ele encontrava-se foragido desde o inicio do mês.

O pai aproveitava da filha quando a mãe saia para o trabalho, ele ainda pedia para que os outros dois filhos se retirassem para que ele pudesse ficar sozinho com a adolescente.

A Policia Civil do DF informou que o pai é ex-pastor e portador do vírus HIV e que abusou da filha dos 7 aos 10 anos de idade. Logo mais tarde, quando ela tinha 14 anos os assédios voltaram porém a menina começou a se esquivar contra as atitudes do pai. Um dos irmãos revelou na polícia que a irmã confessou a atitude e que também estranhava as atitudes do pai quando a menina ainda era criança.

No mês de maio, a vítima conversou com uma amiga sobre o que vinha ocorrendo e a amiga a aconselhou revelar para a família. A mãe ficou sabendo sabendo no final do mês de maio e levou a adolescente para fazer os exames de imediato, onde ficou constatado que a mesma foi contaminada pelo vírus HIV.

A mãe procurou a polícia de imediato para registrar uma ocorrência. O pai fugiu da residência no mesmo dia.

Depoimento

O delegado Wisllei Salomão, disse que a vítima relatou que demorou a contar para a família pois o pai dizia que só a

a vítima demorou a relatar para a família, pois o homem contava que só a abusava porque a mãe não dava carinho suficientemente, e comprava o silêncio da vítima em troca de doces e balas. “A conduta dele é muito típica de quem pratica crimes de natureza sexual contra a criança, porque ele tentava imputar a culpa do ato dele em outras pessoas”, informou o delegado.

O homem é reincidente e já foi preso pelos crimes de roubo e estupro. Agora, responde por estupro de vulnerável e lesão corporal gravíssima, por saber que tinha HIV e transmitir a outras duas mulheres, além da filha.


Corpo do bebê foi levado pelo IML de Imperatriz

Moradores de Grajaú ficaram comovidos com o ocorrido na noite desta quarta-feira (27). Por volta das 19h, a Delegacia de Polícia Civil da cidade estava lotada de pessoas que acompanhariam o sepultamento do recém-nascido, B.S.S que teve apenas 42 dias de vida.


Muita gente tentava entender por que o caixão com o bebê foi arrancado do túmulo pela polícia, acompanhada do promotor Crystian Boucinhas e do Conselho Tutelar. A ação se deu após denúncia de que o recém-nascido poderia ter sido vítima de estupro.


No depoimento da mãe do bebê, Maria Uilane Sousa da Silva, ela relatou que o filho havia passado mal e foi conduzido ao Hospital São Francisco, porque estava com febre e após ser medicado, foi conduzido para o HGG (Hospital Geral de Grajaú), porque teve o quadro alterado. No HGG a criança não foi recebida, pois segundo a coordenação do hospital era caso de transferência para Imperatriz.


Seguindo orientação, a mãe levou a criança para o Hospital Regional de Imperatriz, onde o menino passou cerca de quatro dias internado, chegando a falecer. Segundo a mãe a criança defecava sangue e o médico teria dito que alguém tentou matar a criança, ou estuprar.


Maria Uilane já desconfiava e teria dito a uma médica e a uma assistente social que o suspeitava de uma pessoa que levou a criança ao banheiro e ao colocá-lo na cama novamente, a criança se desesperou em choros e frequentemente passou a ter sangramento nas fezes.


Segundo relata no depoimento, o médico disse que o ânus do bebê estava sangrando e que deveria ser encaminhado ao IML (Instituto Médico Legal).


Diante das informações, o Conselho Tutelar de Imperatriz denunciou o fato em Grajaú e, foi justamente o motivo da polícia ter ido ao cemitério impedir o enterro. O corpo do bebê foi encaminhado ao IML de Imperatriz ainda na noite de quarta-feira.



As informações são de Djacy Oliveira
quarta-feira, 27 de julho de 2016

Nem mesmo as investidas covardes, factoides medonhos e aberrações de tudo que é natureza, sejam escritas ou em forma de vídeos, conseguiram conter o crescimento do projeto “Wellington prefeito-11”.

A partir do próximo final de semana até o início do mês de agosto serão realizadas as convenções partidárias que homologarão as candidaturas aos cargos de prefeito e vereadores das eleições municipais de 2016. Depois é oficialmente dada a largada à disputa e salvem-se quem puder.

Se não é possível saber qual dos candidatos a prefeito de São Luis vai se sair melhor na campanha propriamente dita, uma coisa não há dúvida: nesta fase de pré-campanha quem mais se destacou foi Wellington do Curso (PP).

O pré-candidato progressista começou com índices modestos nas pesquisa e, de uma hora para outra, cresceu de forma extraordinária a cada levamento feito por todos os institutos de pesquisa.

Em menos de três meses o empresário do setor educacional cresceu impressionantes 218%! Detalhe: o desempenho positivo de Wellington do Curso se deu antes mesmo dele se declarar pretendente ao cargo de prefeito de São Luis.

Não há como negar que o nome mais badalado atualmente na cidade quando o assunto é sucessão municipal é o do deputado estadual Wellington do Curso.

Nem mesmo as investidas covardes, factoides medonhos e aberrações de tudo que é natureza, sejam escritas ou em forma de vídeos, conseguiram conter o crescimento do projeto “Wellington prefeito-11”.

E se homem conseguir articular outros partidos, formar uma boa coligação e escolher um bom nome para vice-prefeito … sei não.

Que venha a campanha!
Luciano Genésio, Flávio Dino e Leonardo Sá

Finalmente, depois de liderar todas as pesquisas de intenção de votos para prefeito de Pinheiro, Luciano Genésio (PP) conseguiu superar o candidato do PCdoB, Leonardo Sá, e garantiu o apoio do Palácio dos Leões.

Agora pela tarde, o governador Flávio Dino recebeu os dois grupos políticos no Palácio para oficializar a chapa encabeçada por Luciano Genésio.

Na manhã desta quarta-feira, um acordo entre os dois pré-candidatos que disputavam a preferência do governador Flávio Dino (PCdoB) praticamente decide a vitória da oposição na Princesa da Baixada, pondo fim ao governo do prefeito Filuca Mendes (PMDB).

Indicado e apoiado pelo deputado Othelino Neto, o médico e vereador Leonardo Sá, não conseguiu avançar o suficiente e decidiu desistir de sua pré-candidatura e compor como vice na chapa de Luciano Genésio.

A aliança PP/PCdoB é um tiro de fuzil no projeto de reeleição do prefeito Filuca Mendes. Uma composição entre Luciano e Leonardo Sá era tudo que o grupo da situação temia.

Durante o encontro, o governador Flávio Dino disse que “essa união era desejada por ele e pelo povo de Pinheiro. Com esses dois jovens de força e garra nós vamos avançar”.

Para Luciano Genésio, essa união foi construída com muita maturidade, deixando as diferenças de lado e pensando em primeiro lugar em Pinheiro. ”Agora caminhamos juntos e fortes com o apoio do nosso governador e de muitas lideranças a nível municipal , estadual e federal. E assim, com o apoio do povo vamos vencer as eleições”, finalizou Genésio.



A adolescente menor de 14 anos e seu namorado de 16 anos foram ouvidos hoje durante audiência pelo juiz Reginaldo de Jesus Cordeiro Júnior, responsável pela 2° vara da Infância e da Juventude de São Luís. O casal é acusado de matar Tatiana Cutrim de 49 anos, mãe da menor.




Depois de analisado todo o crime, o juiz determinou a internação provisória dos menores infratores com prazo máximo de 45 dias, como é estabelecido pelo ECA (Estatuto da Criança e do Adolescente). Além do juiz, participaram da audiência o promotor Raimundo Nonato Cavalcante, a defensora pública Maiele Karem França Morais (assistindo a adolescente), e os advogados Angelo Rios Calmon e Rômulo Alves Cavalcante (assistindo o adolescente).


O casal que ficará numa casa que abriga menores infratores durante o período, porém os órgãos competentes estão evitando divulgando o local por temer represálias, já que em todo o estado é grande o pedido de justiça.

O crime ocorreu no último sábado (23) no bairro Planalto Anil III, na capital. Após o ato, o casal fugiu para a cidade de Santa Inês onde foram apreendidos nas primeiras horas da segunda-feira (25).

Na audiência foi lavrado o flagrante já que o ato infracional envolve violência ou grave ameaça como prevê o art.173 do ECA.

A mãe da filha adotiva foi morta com correntes e facadas friamente. Ainda durante depoimento, a garota confessou o crime e disse que pretendia alugar uma casa na cidade de Santa Inês para morar com o namorado.


A Secretaria de Aquicultura e Pesca do Ministério da Agricultura suspendeu 186.106 registros de pescadores profissionais artesanais. A decisão consta de portaria publicada no Diário Oficial da União (DOU) desta sexta-feira (22/7).

De acordo com a portaria, as suspensões decorrem de descumprimento de termos de uma instrução normativa (IN) do Ministério de 2014. Essa IN determina que, entre outros casos, o pescador terá o Registro Geral da Atividade Pesqueira (RGP) e as respectivas licenças suspensos se não apresentar ao Ministério a documentação exigida, como Relatório de Exercício da Atividade Pesqueira e cópia do Número de Inscrição do Trabalhador (NIT).

O pescador artesanal precisa do RGP, por exemplo, para requerer o chamado seguro-defeso, que é o seguro-desemprego concedido a esse profissional durante a paralisação temporária da pesca para preservação das espécies.
A relação nominal das suspensões será divulgada no site do Ministério da Agricultura e afixada nas sedes das Superintendências Federais de Agricultura nas Unidades da Federação, diz a portaria do DOU.



Fonte: www.correiobraziliense.com.br

Via Neto Ferreira

Falta de transparência restringiu a fiscalização no município de Carutapera.


Prefeito Amim Barbosa Quemel
Diversas práticas ilegais, que culminaram em danos ao erário, foram verificadas no município de Carutapera pela auditoria da Unidade Técnica de Controle Externo do Tribunal de Contas do Estado do Maranhão (TCE-MA), realizada entre os dias 25 e 26 de maio de 2015.


O relatório apontou restrições à auditoria por falta de transparência e disponibilidade de informações no site da Prefeitura Municipal de Carutapera. Também não foram apresentados os extratos bancários referentes às contas solicitadas pelo órgão.

Além disso, em consulta ao mural de licitações do sistema licitaweb, os fiscais constataram o não envio de licitações a serem realizadas no período de 1º de janeiro de 2015 a 2 de abril de 2015. No entanto, foram realizadas licitações nesse período, conforme relação apresentada pela administração pública municipal.

Conforme o relatório da auditoria, os processos de despesas apresentados pela Prefeitura de Carutapera, referente ao período compreendido entre janeiro e abril de 2015, referem-se à dispensa de licitação. No entanto, o gestor não apresentou nenhum processo de dispensa. Ao todo, foram R$ 420.619,59 (quatrocentos e vinte mil, seiscentos e dezenove reais, e cinquenta e nove centavos) pagos aos empenhos referentes.

Na análise dessas despesas realizadas por contratação direta, foram constatadas inúmeras irregularidades: pagamentos efetuados com ausência de contratos; notas fiscais não validadas; pagamento do fornecimento de mercadorias com ausência de comprovação de regularidade fiscal, trabalhista e previdenciária; ausência de publicação em órgão de divulgação oficial ou em quadro de avisos de amplo acesso público; não apresentação da relação de todas as compras efetuadas pela administração; não existência de Portaria designando o fiscal do contrato.

Diante de todas as ilegalidades apresentadas, o prefeito de Carutapera, Amim Barbosa Quemel; e o tesoureiro da gestão municipal, Francisco Petrônio dos Santos Mesquita, foram apontados como responsáveis pelas irregularidades.







Um acordo fechado na manhã desta quarta-feira (27) entre os pré-candidatos a prefeito Leonardo Sá e Luciano Genésio deve garantir a vitória do grupo do governador Flávio Dino em Pinheiro. Depois de conversar com o deputado Othelino Neto (PCdoB), vice-presidente da Assembléia Legislativa, o médico Léo Sá decidiu desistir da sua candidatura para compor como vice na chapa de Luciano Genésio, filho do ex-prefeito José Genésio.

A composição representa um baque considerável na candidatura à reeleição do prefeito Filuca Mendes, candidato do grupo Sarney.

As pesquisas em Pinheiro davam praticamente um empate técnico entre os três pré-candidatos e o grupo governista estava encontrando dificuldades para resolver o impasse, pois tanto Leonardo Sá quanto Luciano estão bem posicionados nas sondagens e tecnicamente empatados, o mesmo acontecendo com Filuca. Com o acordo fechado entre Leonardo e Luciano (Léo Sá como vice), as chances de vitória do grupo do governador Flávio Dino aumentam consideravelmente na cidade mais importante da Baixada Ocidental Maranhense.

Hoje à tarde, o deputado Othelino Neto e o médico Leonardo Sá serão recebidos pelo governador para comunicá-lo oficialmente sobre o acordo. 

(Com informações do JP Online)


Jovem é violentada com pedaço de cana-de-açúcar  (Foto: Divulgação)


A Polícia Civil de Araraquara (SP) apura a denúncia de estupro coletivo contra uma jovem de 19 anos. Ela contou que estava em um ponto de ônibus, no Jardim Cambuy, no final da noite de sábado, 23, quando foi abordada por cinco homens que passavam em um veículo Honda Civic de cor prata.

Ela teria sido colocada à força dentro do carro e levada para um canavial, onde foi estuprada por três dos cinco homens.

Os envolvidos teriam usado até um pedaço de cana-de-açúcar para violentá-la. Após o ato, eles fugiram e a vítima conseguiu ligar para uma amiga.

Foi esta amiga que a socorreu e a levou até a Unidade de Pronto Atendimento (UPA) Central. De lá, ela foi transferida para o hospital e maternidade Gota de Leite, onde permanece internada.

O caso foi encaminhado para a Delegacia de Defesa da Mulher (DDM), que tenta identificar os autores.

Investigação

O delegado Arnaldo D'Avóglio Filho, que estava de plantão, contou que não foi possível ouvir a vítima no hospital, pois ela estava sedada. Foi a amiga que narrou o ocorrido.
A expectativa é de que a jovem preste depoimento nesta segunda-feira, 25. Policiais buscam pistas, como imagens de câmeras da região, para tentar identificar o carro e os ocupantes.

Facebook

Rádio do seu Coração

Arquivo do blog