quinta-feira, 31 de outubro de 2013
Secretario de Obras Claudomir e o Chefe de Gabinete Fernando
No inicio desta semana iniciaram a perfuração de poços no povoado de Crispiana .
A administração do prefeito Marcelo Jorge, o povoado tem tido assistência do governo municipal
Assistência Elétrica, primeiro desfile de 7 de setembro realizado no povoado, manutenção da estrada que liga sede ao povoado e agora finalmente  os moradores do povoado terão a tão sonhada água encanada.




Procuradora é acusada de engavetar representações contra o governo
O deputado Rubens Pereira Júnior (PCdoB), líder do Bloco Parlamentar de Oposição,
 em inflamado pronunciamento, nesta manhã de quinta-feira (31), criticou o Ministério
 Público Estadual por enxergar apenas as representações contra políticos que fazem
 oposição a oligarquia Sarney e simplesmente fechar os olhos para as denúncias de
 corrupção contra o governo de Roseana. Segundo o líder do BPO, o MPE é “caolho”,
 pois todas as representações contra os convênios fantasmas do governo foram
 engavetados pela Procuradora Geral de Justiça.   

“Infelizmente, salvas raras exceções, o Ministério Público do Maranhão é caolho,
 só olha pra um lado, só olha com um olho, e só olha pra cima da oposição. 
Quando é contra a oposição, é diligente, é célere, exige o cumprimento da coisa pública 
e quando é com o outro olho não vê nada, nada acontece, não sabe de nada: ‘estou avaliando, 
estou aguardando, estou analisando’”, afirmou.  

De acordo com o líder do BPO, são inúmeros fatos que comprovam o imobilismo
 do Ministério Público Estadual, quando é para investigar denúncias contra o Governo do
 Estado, e um exemplo é a representação que todos os deputados de oposição fizeram em
 relação aos convênios fantasmas. “Associação fantasma, empresa de fachada, obra 
inexistente, pagamento fora do Portal da Transparência, representação na gaveta do
 Ministério Público do Maranhão. Na gaveta; não aconteceu nada com a representação”, enfatizou.

Rubens Júnior disse que o que fizeram com o deputado Raimundo Cutrim, agora filiado 
ao PCdoB, “é um ato típico de perseguição”. O líder do BPO garantiu que o deputado
 Cutrim estava certo e o Tribunal de Justiça assim o reconheceu. Outro caso é que
 a Procuradoria Geral da República, no recurso contra a expedição do diploma 
da governadora Roseana Sarney, “afirma de forma categórica que a eleição de 2010 foi viciada, 
mas o Ministério Público do Maranhão não fez absolutamente nada”.

Segundo o deputado do PCdoB, existem inúmeros outros exemplos em que o
 Ministério Público do Maranhão só olha para cima da oposição, como ao não
 denunciar os secretários Fernando Fialho e Ricardo Murad, este que fez até dispensa de
 licitação de quase dois bilhões de reais.

O caso mais recente, de acordo com o parlamentar, o Ministério Público do Maranhão 
deu parecer contrário à ADIN da OAB que questiona a Fundação Memória Republicana,
 por instituir, com caráter de hereditariedade, cargos vitalícios para representantes 
do senador José Sarney, projeto aprovado na Assembleia com os votos contras da oposição. 
Mas a ADIN nacional, interposta pelo PPS, com o mesmo objeto tramitando no 
Supremo Tribunal Federal (STF), recebeu aval do Ministério Público Federal.

“Quem desmoraliza neste caso o Ministério Público do Maranhão é a 
Procuradoria Geral da República, onde aqui vê legalidade, lá em cima vê inconstitucionalidade,
 onde aqui vê que a eleição de 2010 foi limpa, lá em cima diz que foi viciada com base no abuso.
 Nós não queremos que o Ministério Público feche o outro olho, pelo contrário, queremos que
 fique com os dois olhos bem abertos”, afirmou.
O deputado federal Domingos Dutra (SDD),
 utilizou a Tribuna da Câmara dos Deputados,
 ontem (30), para denunciar a governadora Roseana Sarney,
 o seu candidato e aliados de utilizarem as obras, 
serviços, cargos e equipamentos federais para
 fazerem campanha eleitoral antecipada. Segundo o
 deputado Domingos Dutra, se o Governo Federal retirar
 tudo que possui, o estado do Maranhão vira uma cumbuca, 
já que o governo estadual pouco faz pela população.

O deputado também denunciou que aliados 
do governo Roseana aproveitam a entrega de
 equipamentos federais para atacarem de forma covarde
 o ex-deputado Flávio Dino, atual presidente da EMBRATUR.

O parlamentar comparou a situação com os hábitos
 de dois pássaros da fauna brasileira,
 Xexeu e Chico Preto, onde o xexeu faz o ninho e o Chico Preto toma de conta.
 “No Maranhão não temos governadora, temos uma Chica Preta que se apropria do ninho
 alheio para fazer campanha a favor de seus aliados. A Presidenta Dilma Rousseff faz
 o ninho e a governadora Roseana, chica preta, toma conta de tudo o que o
 Governo Federal faz.”, afirmou o deputado.

Na ocasião o deputado Domingos Dutra anunciou que, juntamente com 
outros parlamentares irá representar junto aos órgãos federais para que 
sejam apurados os ilícitos administrativos e penais com uso indevido 
das obras, serviços e equipamentos federais.


Fonte Blog Jorge Vieira
Ministério Público do Município de Carutapera


A Promotoria de Justiça de Carutapera emitiu, no último dia (17), Recomendação ao prefeito do município, Amin Quemel, para que sejam revogados leis e atos administrativos que atribuem nomes de pessoas vivas a bens públicos, devido à sua inconstitucionalidade.

No texto recomendatório, o Ministério Público concedeu o prazo de 30 dias para que o prefeito faça o levantamento de todos os bens públicos batizados com os nomes de pessoas vivas, em seguida, apresente projeto de lei revogando as leis e,  consequentemente, adote outra denominação para tais bens.

Titular da Promotoria de Carutapera, a promotora de justiça Laura Amélia Barbosa destaca que a prática do gestor ofende princípios da administração pública, como a impessoalidade e a moralidade, previstos na Constituição Federal, e desrespeita a Lei nº 6.454/77, que dispõe: "É proibido, em todo o território nacional, atribuir nome de pessoa viva a bem público de qualquer natureza, pertencente à União ou às pessoas jurídicas da Administração indireta".

A representante do Ministério Público acrescentou que é de conhecimento público a existência, em Carutapera, de bens públicos, principalmente ruas e escolas, com o nome ou sobrenome de pessoas vivas, sobretudo políticos, a exemplo da Escola Laércio Oliveira; Unidade Escolar Professor Milton Maia; Posto de Saúde Francisco Plácido; Colégio Sonho 'Dourado'; Escola Vila 'Dourado"; Centro de Referência Educacional de Ensino Amim Barbosa Quemel.

"O descumprimento da presente Recomendação acarretará a propositura de Ação Civil Pública, pleiteando que seja declarada judicialmente a inconstitucionalidade de referidas leis, sua nulidade e a condenação do Município na obrigação de alterar o nome dos bens que possuem nome de pessoas vivas", enfatizou a promotora de justiça.


(CCOM-MPMA)



O idoso identificado como Ernandes Oliveira Pinto,68 anos, morreu 
após ficar internado por mais de uma semana lutando pela vida, 
depois de sofrer maus-tratos pela própria esposa, 
uma mulher de apenas 30 anos.

Ernandes foi encontrado amarrado em uma rede e com queimaduras 
de terceiro grau pelo seu corpo, na residência onde morava, 
no dia 20, na cidade de Cururupu, distante 435 quilômetros da
 capital São Luís.

O idoso vivia com Idayane do Socorro Reis Rodrigues, 
principal suspeita do crime. Segundo Jozeline Santos,
 a filha de Ernandes, o pai já estava quase uma semana 
sem se alimentar. “Um vizinho do meu pai começou a desconfiar
 do caso quando perguntavam por ele, e a sua companheira
 Idayane Rodrigues dizia que estava com problemas de garganta
 e às vezes dizia que estava viajando. Mas como os vizinhos
 ouviam discussões do casal, e um dia ouviram um grito 
dele dizendo ‘Eita Idayane, tu me matou’, acabaram ficando 
mais preocupados, no que resultou em chamar a minha família 
que mora perto dele”, contou.

Jozeline ainda disse que, quando a família foi 
comunicada do que estava acontecendo, duas sobrinhas 
de Ernandes chegaram a casa e encontraram o tio amarrado 
em uma rede, com o corpo todo queimado e talco jogado por c
ima das feridas. Elas logo acionaram uma ambulância para retirar 
o parente da casa.

Além disso, a filha da vítima revelou que muitas moscas estavam
 sobre o corpo do pai. Ernandes Santos foi encaminhado pela
 ambulância até ao hospital Santa Casa, onde passou por
 uma raspagem nas queimaduras, e após vários dias não resistiu 
e veio a óbito. Os amigos, vizinhos e familiares se sentiram revoltados 
com a situação. “Esperamos Justiça. Isso me dói em saber que meu
 pai sofreu a cada minuto, ter ficado em cárcere privado, 
recebendo maus-tratos. Só queremos Justiça” disse Jozeline Santos.

Com informçôes de O Imparcial
quarta-feira, 30 de outubro de 2013
Cadernos de prova do Enem 2013 (Foto: G1)
Cadernos de prova do Enem 2013 (Foto: G1)
O Ministério da Educação divulgou o gabarito oficial do Exame Nacional do Ensino Médio -Enem 2013. As provas foram realizadas no último final de semana.
Veja o gabarito oficial das provas realizadas sábado (26)

Veja o gabarito oficial das provas realizadas domingo (27)




 Nesta Sexta Feira (1º) de novembro a Festa do Halloween em Godofredo Viana será imperdível!
Os alunos do Terceiro Ano da Escola Benedita Jorge estão preparando uma despedida de arrepiar,
e é claro você não pode ficar de fora.
Dia 1º de Novembro na Arena Fast no bairro do Monte Sião.
Uma festa de arrepiar nesta sexta feira (1º), veja mais:

LOCAL : ARENA FAST
BAIRRO : MONTE SIÃO
CIDADE : GODOFREDO VIANA
HORÁRIO :  A PARTIR DAS 21:00
ORGANIZAÇÃO : MENINAS DO 3º ANO.
A presidente Dilma Rousseff (PT) largou na frente na montagem de palanques de apoio
 na região Nordeste, reduto eleitoral do governador de Pernambuco e possível 
adversário em 2014, Eduardo Campos (PSB).

A petista deve ter candidaturas aliadas estruturadas nos nove Estados e dois
 nomes na disputa majoritária em pelo menos quatro (Maranhão, Ceará, Alagoas e Paraíba).
Campos planeja lançar candidatos em todos os Estados da região, mas sem perspectiva 
de duplo apoio em nenhuma praça.

Aécio Neves (PSDB-MG) deverá contar com nomes aliados nos nove Estados,
 mas os tucanos enfrentam dificuldades para montar palanques sólidos nos maiores
 eleitorados.
É nesse eixo que Dilma aposta suas fichas. Ela terá aliados tidos como competitivos
 na Bahia (26% do eleitorado da região), Pernambuco (17%) e Ceará (16%).

O problema para os petistas é que a saída de Campos da coalizão governista 
e o consequente lançamento do seu nome ao Planalto cria barreira para que ela
 repita o feito de 2010, quando obteve no segundo turno 70% dos votos válidos no Nordeste.

Reeleito governador com 83% dos votos válidos em 2010, Campos tem o principal palanque
 em seu Estado, mesmo não tendo ainda definido o nome que irá apoiar para a sua sucessão.

Seu entrave mais sério no Nordeste é o Ceará, Estado em que Dilma conseguiu manter 
sob sua influência o governador Cid Gomes e seu irmão, o ex-ministro Ciro Gomes.
 Ambos não aceitaram a cisão com o Planalto e deixaram o PSB de Campos para
 ingressar no neogovernista Pros.

Já Aécio tem apoio tímido em Pernambuco, onde pode até mesmo se aliar ao candidato
 de Campos, e no Ceará, onde dependerá quase que exclusivamente do amparo de Tasso 
Jereissati (PSDB), que não conseguiu se reeleger para o Senado em 2010.

Na Bahia, ele espera a definição da candidatura de oposição entre o ex-governador
 Paulo Souto (DEM) e Geddel Vieira Lima (PMDB).

"Há um certo mito nessa história de palanques. O eleitor vota com a convicção,
 com o convencimento", afirma o senador Cássio Cunha Lima (PSDB-PB),
 um dos principais articuladores da candidatura de Aécio e ex-governador da Paraíba.

Para ele, o ingresso de Campos na disputa e o que ele chama de "esgotamento" 
dos efeitos do Bolsa Família como novidade eleitoral afetarão a performance petista na região.

"O cenário nordestino é muito bom para Dilma, ela sai com larga vantagem em relação
 a qualquer outro. Por aqui, não temos medo de enfrentar a campanha", contra-argumenta 
o líder da bancada do PT na Câmara, José Guimarães (CE).

Aliados de Campos apostam em sua identidade com o Nordeste para dar a ele desempenho expressivo na região no ano que vem.

INDEFINIÇÂO

No Maranhão, Estado de tamanho intermediário do Nordeste, os três presidenciáveis 
ensaiam apoio ao nome de Flávio Dino (PC do B), que lidera as pesquisas e que
 está hoje no governo federal, presidindo a Embratur.

Mas a família Sarney pressiona a presidente Dilma a ficar com o candidato do clã, ainda indefinido.

Nos outros cinco Estados Dilma também já tem perspectivas de palanques, mas em Sergipe pode dividi-lo com Campos.

O governador de Pernambuco e Aécio podem dividir o palanque na Paraíba e no Piauí, Estados hoje governados pelo PSB.

Em Alagoas, a situação é uma das mais indefinidas, já que o governador Téo Vilela
 (PSDB) ainda não escolheu quem irá apoiar.


Após tentativa de Assalto na  Agência do Bradesco no último dia do mês de setembro (30), onde os assaltantes explodiram os caixas da agência Bradesco em Godofredo Viana, e não levaram dinheiro dinheiro nenhum,em uma tentativa frustada, os assaltantes só deixaram prejuízos.
Passados exatos 30 dias a Agência do Bradesco continua da mesma forma,os caixas inoperantes.
Até quando vamos ter que nos deslocar até a cidade de Cândido Mendes para fazer qualquer tipo de movimentação na Agência BRADESCO?
Falta de comprometimento e de respeito com todos os Clientes de Godofredo Viana.
Esperamos que ainda este mês de Novembro seja solucionado o problema.
Por meio de nota publicada em seu portal, no domingo (27), o Sindicato dos Trabalhadores em Educação Pública do Maranhão (Sinproesemma)repudiou a iniciativa do governo do estado, que reduziu em mais de R$ 23 milhões a previsão de recursos para a Educação Pública, na mensagem da Lei Orçamentária Anual (LOA) de 2014, enviada para votação na Assembleia Legislativa do Maranhão.

De acordo com a mensagem, o volume de recursos para a Educação baixou de R$ 1.616.429.005 (2013) para R$ 1.593.052.187 (2014), um corte de R$ 23,37 milhões, o que representa, segundo o presidente do Sinproesemma, Julio Pinheiro, “uma grande ameaça ao cumprimento dos compromissos do governo, assumidos com a categoria dos educadores para 2014”.

Na mesma mensagem em que formaliza o corte do dinheiro da Educação, o governo aumentou o orçamento da Infraestrutura – pasta comandada por Luís Fernando Silva (PMDB), virtual candidato ao governo de estado, apoiado pelo Palácio dos Leões.

A Infraestrutura teve destinado à pasta, para 2013, um volume de recursos da ordem de R$ 259.283.374. Para 2014, o valor subiu para R$ 692.784.557 (R$ 433,5 milhões a mais).

“Enquanto o Brasil inteiro luta por ampliação dos investimentos na educação, o governo do Maranhão age de forma contrária, reduzindo investimentos, com cortes significativos, comprometendo o desenvolvimento social do estado, que se destaca por ter a pior escola pública, na avaliação do Enem”, disse Pinheiro.

O sindicalista reuniu a direção da entidade, na tarde de sexta-feira (25), para definir estratégias de combate à medida do governo.

ATO PÚBLICO – A primeira ação do Sinproesemma de protesto ao corte do governo no orçamento da Educação é um ato público na Asssembleia Legislativa, marcado para amanhã (30), às 9h, com a participação de educadores de todas as regiões do estado.

“Nesse ato, precisamos reunir um grande número de educadores e pedir o apoio dos deputados estaduais para reverter essa situação, que traz consequências graves à educação. É preciso dar uma resposta ao governo e dizer que não tem como reduzir os recursos da área, que já são poucos. É preciso ampliar os investimentos e não reduzir”, afirmou Júlio Pinheiro.

“Essa Lei Orçamentária é um sinal de que o governo não irá honrar seus compromissos com a educação no próximo ano. Se com o orçamento de 2013, que foi maior, o governo alegou que não tinha condições financeiras de pagar nossos direitos, imaginem em 2014, com esse corte no orçamento”, afirmou o professor Jean Pierre Siqueira, coordenador da Regional Sindical de Codó.

“É preocupante essa situação. É um problema para o ano que vem, quando a parte maior do acordo firmado com os educadores tem que ser paga. Além de o governo não dar previsão para o pagamento dessa dívida, também não prevê recursos para a realização do concurso público, uma necessidade imediata na rede estadual de educação”, avaliou o secretário de Formação Sindical, Dickson Garcia.

Para a secretária-geral do Sinproesemma, Janice Nery, no orçamento reduzido de 2014 não está prevista a construção de escolas de tempo integral, o pagamento das progressões dos professores, assim como outras ações de melhoria da qualidade da educação pública. “É um ato que contraria o discurso de crescimento, alardeado pelo governo Roseana em suas campanhas publicitárias”.

“Temos de denunciar quais são as reais intenções do governo, que destina quase R$ 500 milhões a mais para a Infraestrutura, e tira recursos da educação. Com isso, o governo prova que esse setor não é prioridade, e que o acordo firmado com o Sinproesemma, e homologado na Justiça, pode não ser cumprido”, ressaltou Nery.

Além do corte no Orçamento Geral da Educação, o dinheiro destinado pelo governo à Erradicação do Analfabetismo – da mesma área – também sofreu significativa redução, conforme a mensagem encaminhada por Roseana Sarney à AL-MA.


O corte foi de R$ 7,15 milhões – de R$ 7,4 milhões em 2013 para R$ 250 mil em 2014.
terça-feira, 29 de outubro de 2013
A População de Governador Nunes Freire Presenciou  Hoje mais uma tentativa de homicídio na cidade. O crime aconteceu no Complexo de Oficinas Mecânicas do Castanhalzinho, Edson "Garimpeiro" foi atingido por vários disparos de arma de fogo.






Fonte Blog João Costa



Chamem o CNJ! A desembargadora Nelma Sarney, cunhada do senador José Sarney,
 mantém em seu gabinete um defunto. Trata-se do empresário Daniel Prado Smith, 
que foi assassino no mês passado (reveja aqui). O empresário era assessor da desembargadora.

Empresário falecido Daniel Smith lotado no gabinete de Nelma Sarney
Empresário falecido Daniel Smith lotado no gabinete de Nelma Sarney
No Portal da Transparência do 
Tribunal de Justiça do Maranhão
 consta que caiu no mês de outubro o salário na conta de Daniel Smith.
Em vida, o empresário recebia R$ 14.324,82, sendo R$ 3.267,57 de descontos com INSS, Imposto
 de Rende e outros, ganhando líquido
 R$ 11.067,55.
Agora, depois de morto, o salário
 de Smith ficou R$ 21.034,36 com descontos de apenas 457,49, ficando um total de R$ 20.577,46.
Outro detalhe nisso tudo é que o empresário foi assassinado no começo do mês: tempo
 suficiente para modificar o nome na folha de pagamento do TJMA.
O mais interessante é que Daniel tem um irmão gêmeo, John Smith – o que não seria difícil para
 ele receber o salário do irmão na boca do caixa.

É preciso que o Tribunal de Justiça do Maranhão se pronunciei sobre o caso.
 Do contrário, será alvo de um grande escândalo na imprensa nacional.

Facebook

Rádio do seu Coração

Arquivo do blog