quinta-feira, 28 de março de 2013
Prefeito Marcelo Jorge


A Prefeitura do Municipio de Godofredo Viana realizou ontem 27 (quarta feira),o pagamento dos salários dos servidores públicos municipais referente a este mês de março.
A data está contida no calendário anual de pagamento do funcionalismo lançado pela administração do prefeito Marcelo Jorge (PTB) em janeiro.
quarta-feira, 27 de março de 2013



Os deputados Rubens Pereira Júnior (PCdoB), Valéria Macedo (PDT), Neto Evangelista (PSDB) e Eliziane Gama (PPS) defenderam, na manhã desta quarta-feira (27), a aprovação do Projeto de Lei nº 036/2013, que prevê a prorrogação de mandatos de conselheiros tutelares em todo território do estado do Maranhão.

A deputada Valéria Macedo, autora do projeto, defendeu a matéria argumentando que a Assembleia Legislativa precisa, com este projeto, promover adequação à Lei Federal, já aprovada no Congresso Nacional, que trata do mesmo tema.

Embora estivesse incluído na Ordem do Dia desta quarta-feira (26), para ser apreciado em regime de urgência, o projeto de lei que dispõe sobre a prorrogação dos mandatos dos membros dos Conselhos Tutelares foi protelado para a próxima semana, em razão de falta de quórum no Plenário.

“Esperamos contar com os nossos pares, para que, na próxima sessão ordinária, possamos apreciar e aprovar esta matéria da maior importância para os conselheiros tutelares, que esperam contar com o apoio desta Casa”, afirmou Valéria Macedo.

Ela informou que o seu projeto tem o objetivo de assegurar a defesa das crianças e dos adolescentes em todo o Estado do Maranhão, bem como suplementar as disposições da Lei Federal nº 12.696, de 25 de julho de2012, que alterou de três para quatro anos os mandatos dos conselheiros tutelares em todo o pais, e que unificou o processo de escolha para os referidos cargos em todo território nacional.
Com a aprovação do projeto da deputada Valéria Macedo, ficarão prorrogados os mandatos dos conselheiros tutelares empossados nos anos de 2010, 2011 ou 2012 em todos os municípios do Maranhão, até a posse daqueles escolhidos no primeiro processo unificado.

MAIS DEFESA

Em seu discurso, o deputado Rubens Júnior fez um apelo para que o projeto, que já tramita em regime de urgência, seja logo incluído na pauta da próxima reunião da Comissão de Constituição e Justiça.

“É importante frisar que o bloco de oposição já votou favorável ao requerimento de urgência e estamos prontos para fazer o debate e a discussão do projeto, inclusive vendo a sua constitucionalidade. Da minha parte há uma dúvida pessoal, se a questão é municipal ou se a questão é estadual, a consultoria está aí para dar o parecer, mas a pré-disposição da oposição, é que votaremos pela aprovação do referido projeto pela sua importância, especialmente do ponto de vista social”, afirmou Rubens Júnior, na condição de líder da Oposição.

O deputado Neto Evangelista defendeu o projeto, dizendo que é da maior importância aprovar a matéria e fazer com que todos os 217 municípios do Estado do Maranhão prorroguem os mandatos dos conselheiros tutelares.

“Não se pode é deixar que as crianças e os adolescentes de nossa cidade, e de nosso Estado fiquem desassistidos. Portanto espero também a votação favorável dos senhores parlamentares neste projeto”, afirmou Evangelista.

  O Fórum Estadual sobre o Sistema Nacional de Cultura, aberto pelo governador em exercício Washington Luiz Oliveira e pela secretária de Cultura, Olga Simão, no Palácio Henrique de La Rocque, reuniu prefeitos, secretários, deputados e dirigentes culturais dos 217 municípios maranhenses.
“Para o Governo do Estado este é um momento de grande importância e significado para que nós possamos debater as políticas culturais do Maranhão. É importante que tenhamos o Conselho Estadual de Cultura e os conselhos municipais, que devemos estender por todos os municípios para que possamos discutir efetivamente políticas culturais que possam representar o pensamento e o sentimento do povo do nosso Estado”, declarou Washington Oliveira.
O conselho tem a finalidade de contribuir para a formulação da política estadual de cultura. A secretária Olga Simão destacou que o fórum se apresenta como uma importante oportunidade de administradores das prefeituras conhecerem o Sistema Nacional de Cultura. “Trataremos aqui de importantes temas colocando todas as ações da secretaria. A participação dos gestores municipais e conselheiros estaduais nesse processo de construção coletiva da política cultural é imprescindível para o fortalecimento da nossa cultura”, destacou a secretária.
A apresentação e os debates sobre o Sistema Nacional de Cultura foram conduzidos pelo chefe da representação Regional Nordeste do Ministério da Cultura, Gilson Matias. O Sistema Nacional de Cultura (SNC) é um modelo de gestão criado pelo Ministério da Cultura (MinC) para estimular e integrar as políticas públicas culturais implantadas por governo, Estados e municípios. O objetivo do sistema é descentralizar e organizar o desenvolvimento cultural do país, para que todos os projetos tenham continuidade, mesmo com a alternância de governos.
O presidente da Federação Estadual dos Municípios (Famem) e prefeito de São José de Ribamar, Gil Cutrim; o deputado estadual Roberto Costa e o representante da sociedade civil no Conselho, Paulo Aruanda, destacaram que o grande desafio hoje é conseguir o apoio necessário para a realização de ações culturais nos municípios.
Segundo eles, o Conselho terá um importante papel neste sentido. O deputado Roberto Costa destacou as ações do Governo do Estado nesta área. “Hoje, quero agradecer a governadora Roseana Sarney e a secretária Olga Simão pelo apoio que tem dado aos municípios maranhenses por meio da Lei de Incentivo a Cultura”, destacou o deputado.
Para Gil Cutrim, que falou em nome de todos os prefeitos presentes, a posse do conselho é uma política importante para fomentar ações nesta área. “Vamos propor a continuação dessa parceria com o governo, desburocratizando o processo para que possamos ter facilidade de acesso aos recursos públicos”, informou. “Nós temos uma cultura muito rica que precisa se cada vez mais fomentada”, completou. 
Entre outros Municipios,Godofredo Viana esteve presente e foi a unica cidade do Alto Turi a participar do evento. A pedido do Prefeito Marcelo Jorge Torres que enviou dois representantes do Governo Municipal
Elinelma Almeida (Coordenadora de Cultura) Neto Weba (Coordenador de Comunicação) que reforçaram  junto a Secretaria de Cultura -Olga Simão e também ao Governador em exercicio -Washington Luiz Oliveira,a parceria com os municipios denominados menores para que os mesmos recebam a mesma atenção quanto aos maiores.
segunda-feira, 25 de março de 2013
Foto: Divulgação/Secma
 
  O Governo do Estado, por meio da Secretaria de Estado Cultura, empossou nesta segunda-feira (25) os membros do Conselho Estadual de Cultura composto por representantes do poder público e sociedade civil. A posse ocorreu durante o Fórum Estadual sobre o Sistema Nacional de Cultura, aberto pelo governador em exercício Washington Luiz Oliveira e pela secretária de Cultura, Olga Simão, no Palácio Henrique de La Rocque. O evento reuniu prefeitos, secretários, deputados e dirigentes culturais dos 217 municípios maranhenses.

“Para o Governo do Estado este é um momento de grande importância e significado para que nós possamos debater as políticas culturais do Maranhão. É importante que tenhamos o Conselho Estadual de Cultura e os conselhos municipais, que devemos estender por todos os municípios para que possamos discutir efetivamente políticas culturais que possam representar o pensamento e o sentimento do povo do nosso Estado”, declarou Washington Oliveira.

O conselho tem a finalidade de contribuir para a formulação da política estadual de cultura. A secretária Olga Simão destacou que o fórum se apresenta como uma importante oportunidade de administradores das prefeituras conhecerem o Sistema Nacional de Cultura. “Trataremos aqui de importantes temas colocando todas as ações da secretaria. A participação dos gestores municipais e conselheiros estaduais nesse processo de construção coletiva da política cultural é imprescindível para o fortalecimento da nossa cultura”, destacou a secretária.

A apresentação e os debates sobre o Sistema Nacional de Cultura foram conduzidos pelo chefe da representação Regional Nordeste do Ministério da Cultura, Gilson Matias. O Sistema Nacional de Cultura (SNC) é um modelo de gestão criado pelo Ministério da Cultura (MinC) para estimular e integrar as políticas públicas culturais implantadas por governo, Estados e municípios. O objetivo do sistema é descentralizar e organizar o desenvolvimento cultural do país, para que todos os projetos tenham continuidade, mesmo com a alternância de governos.

Desafio

O presidente da Federação Estadual dos Municípios (Famem) e prefeito de São José de Ribamar, Gil Cutrim; o deputado estadual Roberto Costa e o representante da sociedade civil no Conselho, Paulo Aruanda, destacaram que o grande desafio hoje é conseguir o apoio necessário para a realização de ações culturais nos municípios.

Segundo eles, o Conselho terá um importante papel neste sentido. O deputado Roberto Costa destacou as ações do Governo do Estado nesta área. “Hoje, quero agradecer a governadora Roseana Sarney e a secretária Olga Simão pelo apoio que tem dado aos municípios maranhenses por meio da Lei de Incentivo a Cultura”, destacou o deputado.

Para Gil Cutrim, que falou em nome de todos os prefeitos presentes, a posse do conselho é uma política importante para fomentar ações nesta área. “Vamos propor a continuação dessa parceria com o governo, desburocratizando o processo para que possamos ter facilidade de acesso aos recursos públicos”, informou. “Nós temos uma cultura muito rica que precisa se cada vez mais fomentada”, completou.

O secretário de Cultura de Buriti Bravo, Delvan Mello, disse que a parceria é fundamental para fazer um bom trabalho no município. “Com essa maior aproximação, com certeza, vamos poder otimizar os projetos que já tínhamos para a cidade na área da cultura. O conselho se apresenta como um leque de oportunidades para realizarmos o que estamos querendo”, finalizou.
domingo, 24 de março de 2013
Durante a suspensão, serão adotadas as seguintes medidas: Promover o cadastro da classe e competência, no sistema Themis PG.
A juíza Denise Reis, titular de Zé Doca e respondendo por Bom Jardim, assinou uma Portaria na qual determina a suspensão do expediente externo no fórum da comarca de Bom Jardim. A suspensão será na próxima semana, na segunda-feira (25) e terça-feira (26).
Um dos motivos da medida adotada pela juíza foi a constatação do grande volume de processos registrados no Sistema Themis PG, na Secretaria Judicial da Vara Única da Comarca de Bom Jardim, anteriores ao ano de 2010, pendentes do cadastro da classe e competência e assuntos respectivos.
Na Portaria, ela também observou os vários processos que se encontram sem a devida alimentação no Sistema Themis PG e, ainda, a constatação de vários processos arquivados no Sistema Themis PG sem a respectiva baixa. Os termos do Ofício CIRC-GCGJ-242013, que trata da implementação do sistema “Júris-RMA”, visando interligar os dados alimentados no Sistema Themis PG ao RMA também foram levados em consideração.
quinta-feira, 21 de março de 2013
Dino tem trabalho reconhecido pela principal revista de economia do mundo

A principal revista sobre Economia do mundo (The Economist) destaca o crescimento do turismo de negócios no Brasil. Baseada em pesquisa internacional, a revista diz que turismo internacional no Brasil, de responsabilidade da Embratur, vai passar Itália, França e Reino Unido. Para Flávio Dino, presidente da Embratur, os avanços são resultado de investimentos no setor turístico nacional.

Nota da coluna de turismo da revista The Economist, a revista destaca estudo da consultoria GBTA (Global Business Travel Association) apontando as grandes perspectivas para o setor de turismo de negócio no Brasil.

O texto destaca que o país vive um ótimo momento do turismo doméstico no segmento de negócios, que este ano deve crescer 12,9%, movimentando US$ 27 bilhões.

“Atualmente, as viagens domésticas dominam o mercado brasileiro de turismo no segmento negócios. Mas, com a Copa do Mundo e os Jogos Olímpicos no horizonte, novas oportunidades vão aparecer e mais empresas devem se interessar por esse mercado”, afirma a nota da Economist.

O estudo avalia que, nos próximos dois anos, o Brasil deve superar Itália, França e Reino Unido no mercado de turismo de negócios.

Para o presidente da Embratur, Flávio Dino, o estudo aponta ótimas perspectivas para o setor no Brasil. “As estimativas da GBTA vêm confirmar o nossa percepção a partir dos números do setor e do ranking da ICCA”, avalia.
WTM e ICCA

Um dos indicativos de sucesso no mercado de negócios e eventos é a participação do Brasil no ranking da Associação de Congressos e Convenções (ICCA, pela sigla em inglês). Em seu último relatório, a instituição apontou que o Brasil subiu duas posições no ranking, de 9º para 7º colocado – sendo o único da América Latina entre os 10 primeiros.

Ao todo, o país recebeu, em 2011, 304 eventos classificados como internacionais segundo os critérios da ICCA – o que representou um crescimento de 10% em relação ao ano anterior, quando foram realizados 275 eventos.

Desde 2003, quando a Embratur passou a cuidar exclusivamente da divulgação do destino Brasil, o número de eventos ICCA foi multiplicado por cinco. “Outro bom sinal é mais que dobramos, desde 2003, o número de cidades que recebe eventos ICCA, o que, além de ser um fato positivo para o desenvolvimento local, é importante porque mostra que mais destinos estão se capacitando para receber esses eventos”, avalia Dino.

Outro sinal da expansão do mercado de viagens de negócios é a captação da feira britânica World Travel Market Latin (WTM), para o Brasil. Em abril deste ano, pela primeira vez será realizada, em São Paulo, a World Travel Market Latin America, principal feira do setor de Viagens e Turismo da América Latina, um evento voltado para operadores que promove a América Latina para o mundo e o mundo para América Latina.

A WTM Latin America será realizada anualmente na capital paulista, polo econômico do continente, e contribuirá com o volume de negócios realizados para setor de Viagens e Turismo, bem como para o posicionamento do continente latino americano como uma das regiões mais importantes do mundo.


postado por neto ferreira

 Uma das ações refere-se ao Convênio n.º 560801 (Implantação e recuperação de estradas vicinais) de assentamentos do INCRA/MA, no valor de R$ 498.311,34.


Ex-prefeita Godofredo Viana .
A ex-prefeita do município de Godofredo Viana, Maria da Conceição dos Santos Matos, que já responde a mais de 10 Ações de Improbidade Administrativa, deve ser obrigada a fazer o ressarcimento integral do dano; perda da função pública; suspensão dos direitos políticos de três a cinco anos e pagamento de multa civil de até 100 vezes o valor da remuneração percebida quando administradora do município.
Ex-prefeita Godofredo Viana .
Além disso, a ex-gestora será proibida de contratar com o Poder Público, receber benefícios, incentivos fiscais ou creditícios em cada uma delas. O atual prefeito, Marcelo Jorge Torres, encontrou o município em situação de inadimplência geral.
Uma das ações refere-se ao Convênio n.º 560801 (Implantação e recuperação de estradas vicinais) de assentamentos do INCRA/MA, no valor de R$ 498.311,34.
Em informações do Relatório de Análise de Prestação de Contas do INCRA, o descumprimento deu-se pelas seguintes razões:
1. A ex-prefeita deveria ter apresentado a prestação de contas em 27/04/2007, no entanto, apresentou a prestação de contas sete meses após a vigência do Convênio, ou seja, 29/11/2007, como parcial, no entanto não existiam mais recursos desde 02/02/2007;
2. Faltam datas e assinaturas do concedente na aprovação do Plano;
3. No formulário SIOPS, faltou a assinatura do contador;
4. Deixou de ser anexado o 1º Termo de Aditivo e respectiva Publicação;
5. Faltou colocar a data de celebração do 2º Termo Aditivo;
6. A assinatura da ex-prefeita na Carteira de Identidade diverge das assinaturas constantes na autorização de abertura de processo licitatório à CPL e no Termo de recebimento definitivo da obra;
7. Na execução da Receita e Despesas deixou de ser incluído o valor de R$ 2.178,32 referente ao resgate de aplicação financeira;
8. Deixaram de constar nas Notas Fiscais relacionadas o carimbo de identificação do convênio;
9. No carimbo de atesto que os serviços foram executados constantes nas diversas notas fiscais, não consta identificação do servidor, ou seja, nome e matrícula;
10. Segundo relatório de vistoria técnica, em anexo, os serviços executados não atendem plenamente ao que se propunha o convênio, que era permitir o acesso do povoado de Crespiana à sede do município de Godofredo Viana;
11. Com base no RVT de 15/05/08, os serviços executados foram na ordem de R$ 414.256,16, como o valor recebido foi no valor de R$ 498.311,34 haveria um saldo a ser devolvido o que não foi;
12. Deixaram de ser recolhidos à União os seguintes tributos e encargos sociais: PIS / CONFINS / CSL / IR (IN – SRF n.º 475/2004.
01
02
03

 postado por

neto ferreira

quarta-feira, 20 de março de 2013
A Carreta Viva Mulher estará em Nosso Municipio até o dia 22 sexta feira,realizando palestras,exames preventivos, atendimentos Psicosocial e Juridico.
Este projeto da Secretaria de Estado da Mulher é uma unidade Móvel e Godofredo Viana recebe durante cinco dias estes profissionais.
Desde a segunda feira a Carreta Viva Mulher está na Cidade de Godofredo Viana, na Praça de Eventos realizando palestras e exames .
Uma bela iniciativa da Prefeitura Municipal,sendo a segunda ação em menos de um mês destinado a mulher Godofredense.
As secretarias do Municipio também fazem parte desta ação,estão envolvidas a Secretaria de Saúde, Secretaria do Meio Ambiente,Juventude,Cultura e  Secretaria de Edução.
 A Lei Maria da Penha será o alvo maior nas Palestras realizadas durante a semana,aonde implica-se a Lei,casos de agressão física e verbal.
Faça sua parte venha participar das palestras,faça o exame preventivo e convide sua amigas!!

terça-feira, 19 de março de 2013

Os mandados foram cumpridos nas lojas Union Caminhões e Union Autopeças de propriedades do acusado, ambas situadas na Avenida Guajajaras.

Uma conjunta deflagrada, no fim de semana, pela Superintendência de Polícia Civil da Capital (SPCC), as Delegacias de Defraudações, Fazendária, de Homicídios, de Roubos e Furtos de Veículos (DRF) e a Polícia Civil do Ceará, culminou com prisão do empresário Rubem César Araújo Figueiredo, 46 anos, suspeito de fraudar boletos e notas fiscais de lojas de autopeças.
A prisão se deu após investigações da Delegacia de Defraudações que culminaram com o mandado de busca e apreensão e prisão preventiva expedido pela 4ª Vara Criminal de São Luís. Os mandados foram cumpridos nas lojas Union Caminhões e Union Autopeças de propriedades do acusado, ambas situadas na Avenida Guajajaras.
De acordo com o delegado titular da Defraudações, Paulo Aguiar, Rubem é apontado por envolvimento em crimes de estelionato e falsificação de documentos em desfavor de uma empresa do estado do Ceará. “Após vender os produtos, ele emitia boletos bancários de cobranças utilizando do artifício de quebra de sigilo de código de barra ou inserção de dados falsos”, detalhou.
Dessa forma as empresas que pertenciam a Rubem pagavam apenas parte do valor da fatura causando prejuízos à empresa Auto Peças Padre Cícero, do Ceará. Ainda segundo informou o delegado, os prejuízos à empresa estão estimados em cerca em mais de R$ 1 milhão.
Na ação, as equipes da Polícia Civil apreenderam também vários documentos e computadores das empresas investigadas e uma grande quantidade de autopeças adquiridas por meios fraudulentos.

 

segunda-feira, 18 de março de 2013


A exemplo das experiências de outros consórcios de prefeituras na Região Sul do Brasil e da Baixada Maranhense, compartilhadas num seminário em Santa Luzia do Paruá, neste sábado (16), através de Vanoir Koeheier (do Conselho Nacional de Aquicultura e Pesca-CONAPE) e de Ronald Damasceno (Diretor-executivo do Consórcio Intermunicipal de Desenvolvimento Regional dos Lagos Maranhenses-CONLAGOS), um novo consórcio representativo dos municípios que englobam a região do Turi e do Gurupi surge como resultados da preocupação de prefeitos destas regiões com o acesso a recursos de projetos e programas que possam ser viabilizados nas instâncias do estado e do governo federal, para os seus municípios por meio de convênio. O Prefeito de Pindaré-Mirim, Walber Pereira Furtado, esteve no evento representando o CONLAGOS, que é presidido pelo prefeito de Santa Inês, José Ribamar Alves, do PSB.
Tendo como impasse para o desenvolvimento de pequenos municípios a prioridade geralmente concedida aos municípios que ultrapassam 50 mil habitantes, o consórcio é uma saída bastante plausiva no sentido de unir forças para traçar metas e estabelecer um intercâmbio de ajuda e de informações para melhor se cobrar o desenvolvimentismo regional.
Tendo já sido uma tentativa fracassada por parte da ex-prefeita de Governador Nunes Freire, Doutora Regina, devido ao desinteresse e egoísmo de prefeitos da época, o órgão celebrado com o nome de Consórcio Intermunicipal de Desenvolvimento Regional do Tury-CONTURY, tem tudo para dar certo, a julgar pelo apoio já recebido pelas falas dos prefeitos que participaram do seminário na Câmara de Vereadores de Santa Luzia do Paruá (representada pelo Vereador Dequinha), na tarde deste último sábado.
Os oito prefeitos que participaram do evento, compuseram a distribuição dos cargos do conselho diretivo da entidade regional, assim distribuídos: Prefeita de Santa Luzia do Paruá, Doutora Eunice Boeres Damasceno na presidência; o Prefeito de Godofredo Viana, Doutor Marcelo Jorge Torres, como vice-presidente; o Prefeito de Nova Olinda do Maranhão como 1º Fiscal, a Prefeita Graciélia Holanda de Oliveira, como 2º Fiscal; e o Prefeito de Zé Doca, como 3º Fiscal; como suplentes ficaram: o Prefeito de Junco do Maranhão, Aldair Cunha (1º ); o Prefeito de Araguanã, Walmir Amorim (2º ); e o Prefeito de Cândido Mende, Mazinho Leite, como  3º Suplente.



Lembraram os palestrante do seminário, Ronald e Vanoir que o consócio representa a oportunidade não só para que prefeitos tenham acesso diretos a governos, mas uma um importante atalho a inviabilização de prazos para licitações e a adequação dos municípios a estas exigências burocráticas. Vanoir comparou a união de prefeitos ao das garças selvagens, que voam juntas e cuidam-se umas da outras, comparativo útil para referir-se a "blindagem" que é o consórcio em razão da simplificação viabilizada pela prestação de contas com os órgão de fiscalização dos governos municipais.
Nesta dada ocasião foi deliberado entre os prefeitos a data e a cidade do próximo encontro, que foi decidido para o dia 23 de abril, na cidade de Araguanã. No cumprimento deste compromisso, selado entre ambos, será divulgado um encontro a ser agendado entre os prefeitos dos municípios consorciados e os ministros maranhenses em Brasília. Também foi discutido no finalzinho do seminário, em um nível quase polêmico, um outro tema de interesse regional, colocado em pauta em razão do consenso para data; o tema discutido parcialmente diz respeito a instalação de dois campos  de educação em nível superior e técnico no Tury-Gurupi: o IFMA e a UFMA. 
  


 (Veja o álbum de fotos de nosso fotógrafo oficial: Antonio Repórter!).

Dr.Vanoir Koeheier, da CONAPE

Prefeita de Santa Luzia do Paruá,
 Doutora Eunice Damasceno - PSD
Prefeito de Pindaré-Mirim, Walber Pereira Furtado - PR

Prefeito de Zé Doca, Doutor Alberto Carvalho Gomes - PTB
Prefeito de Araguanã, Valmir Belo Amorim - PR
Prefeito de Godofredo Viana,
Doutor Marcelo Jorge Torres- PTB
Prefeito de Centro Novo do Maranhão,
Arnóbio Rodrigues dos Santos - PSD
Prefeita de Presidente Médici,
Doutora Graciélia Holanda de Oliveira - PTB
terça-feira, 12 de março de 2013

Eles estão fechados na Capela Sistina para eleger sucessor de Bento XVI.
Primeira votação secreta deve ocorrer ainda nesta terça-feira (12).


Os cardeais eleitores estão fechados na Capela Sistina, no Vaticano, para iniciar os encontros do conclave em que vão eleger o sucessor do Papa Emérito Bento XVI como líder da Igreja Católica e chefe de Estado do Vaticano.
Os 115 cardeais foram da Capela Paulina para a Capela Sistina em procissão. Eles chegaram à Sistina, onde ficarão confinados até a escolha do novo Papa, às 16h30 locais (12h30 de Brasília) desta terça-feira (12).
Durante o percurso, eles cantaram litanias e oraram para que o Espírito Santo os iluminasse durante as votações.
Depois, eles prestaram juramento, com a mão sobre o Evangelho, prometendo manter segredo sobre o encontro e as votações, conforme manda a Constituição Apostólica, sob risco de excomunhão.

Uns poucos assistentes ficam dentro da capela, mas eles saem na hora da votação.
O mestre de cerimônias deu o comando de "Extra omnes!" (Todos para fora), e a porta da capela foi lacrada.
Primeira votação
A expectativa é de que a primeira votação para tentar escolher um novo pontífice, o 266º da história da Igreja, ocorra ainda nesta terça.

Mas, segundo o padre Federico Lombardi, porta-voz do Vaticano, ela provavelmente não deve definir ainda o nome do novo Papa.
Para ser eleito, um cardeal precisa ter mais de dois terços dos votos dos 115 eleitores.
A fumaça --branca, caso um novo pontífice tenha sido escolhido, e preta, após uma votação inconclusiva-- sairá da chaminé da capela depois da votação.
Se houver fumaça preta, o conclave segue então na quarta-feira, com duas votações previstas pela manhã e mais duas à tarde.
A eleição do novo Papa ocorre após a surpreendente renúncia do agora Papa Emérito Bento XVI, anunciada em 11 de fevereiro e efetivada em 28 de fevereiro, criando uma situação praticamente inédita para a Igreja moderna, em que dois Papas, um atuante e outro Emérito, devem coabitar no Vaticano.
O alemão Josef Ratzinger deixou o cargo após oito anos de um pontificado marcado por crises e divisões internas.
O cardeal brasileiro Dom Odilo Pedro Scherer é citado, pela imprensa e por analistas, como um dos favoritos para ser o novo Papa (saiba os motivos), ao lado do italiano Angelo Scola.
Missa Pro Eligendo Pontifice
Mais cedo, Dom Angelo Sodano, cardeal decano da Igreja Católica, apelou pela "colaboração" e pela "unidade" dentro da Igreja, durante a missa Pro Eligendo Pontifice, que precede o conclave.

Todos os cardeais presentes em Roma, eleitores ou não, participaram na cerimônia, uma das mais intensas dos últimos anos. Eles entraram na Basílica de São Pedro com semblante sério e concentrado.
Sodano exortou os cardeais a "colaborar para edificar a unidade da Igreja" e "cooperar com o sucessor de Pedro".
"Estamos convocados a cooperar com o Sucessor de Pedro, fundamento visível de tal unidade eclesiástica', afirmou o influente cardeal.

"Eu os exorto a se comportarem de maneira digna, com toda humildade, mansidão e paciência, suportando-se reciprocamente com amor, tentando conservar a unidade do espírito por meio do vínculo da paz", disse Sodano, em referência à carta de São Paulo aos fésios.

Ao ser citado pelo cardeal decano, o Papa Emérito Bento XVI, que está repousando na residência papal de verão em Castel Gandolfo, foi bastante aplaudido.
Sodano afirmou que o pontificado de Bento XVI foi "luminoso" e expressou a gratidão dos cardeais ao Papa Emérito, pedindo a Deus que dê "outro bom pastor à sua Santa Igreja".
"Queremos agradecer ao Pai que está nos Céus pela amorosa assistência que sempre reserva a sua Santa Igreja e em particular pelo luminoso pontificado que nos concedeu com a vida e as obras do 265º sucessor de Pedro, o amado e venerado pontífice Bento XVI, ao qual neste momento renovamos toda a nossa gratidão", disse.
No sermão, o cardeal também citou os Papas João Paulo II e Paulo VI, alem de lembrar o trabalho importante da Igreja nos últimos anos, que tem impacto não apenas entre os fieis, mas em diferentes culturas.
“Oremos para que o próximo Papa possa continuar esse incessante trabalho de nível mundial”, afirmou.
Cardeais assistem à missa Pro Eligendo Pontifice nesta terça-feira (12) na Basílica de São Pedro, no Vaticano (Foto: AFP)Cardeais assistem à missa Pro Eligendo Pontifice nesta terça-feira (12) na Basílica de São Pedro, no Vaticano (Foto: AFP)
Cardeais concentrados
A missa atraiu principalmente pessoas ligadas a Igreja, como seminaristas, padres e freiras, e também fiéis. Dentro da Basílica, todos estavam muito atentos às orações e respeitosos aos ritos.

O máximo de conversa ouvida durante a missa foi a tradução das palavras para outros idiomas entre pessoas próximas – a missa foi celebrada basicamente em latim e italiano, com a primeira leitura em inglês e a segunda em espanhol-, além de orações dos fieis em cinco outros idiomas, incluindo o português.

Para conseguir um lugar sentado – especialmente perto do altar, onde ficaram os cardeais – foi preciso acordar cedo.

Às 9h, uma hora antes do início da missa, todos os lugares sentados já estavam ocupados. Muitas pessoas ficaram em pé nas laterais. Pouco antes do inicio da missa, o rosário foi rezado em latim.

Na entrada dos cardeais, nem mesmo os religiosos tiveram cerimônia – centenas de câmeras fotográficas e celulares foram levantados para registrar imagens dos homens que irão eleger o próximo pontífice a partir desta tarde. Quase todos os cardeais entraram concentrados, com semblante sério.

Alguns, entretanto, se destacavam – foi o caso do brasileiro Dom João Braz de Aviz, que entrou e saiu muito sorridente, visivelmente emocionado, olhando os fieis nos olhos e cumprimentando-os com o olhar.

O norte-americano Timothy Dolan, arcebispo de Nova York ,também era só sorrisos na entrada e na saída dos cardeais – ele chegou ate a arriscar acenos para os fiéis.
sexta-feira, 8 de março de 2013


O goleiro Bruno Fernandes foi condenado pelo Tribunal de Júri de Contagem (região metropolitana de Belo Horizonte) na madrugada desta sexta-feira (8), Dia Internacional da Mulher, três anos depois de uma declaração polêmica, na qual afirmou ser normal trocar socos com a parceira.

"Quem nunca saiu na mão com sua mulher?", disse Bruno em 6 de março de 2010, ao ser questionado sobre um episódio de agressão mútua entre o jogador Adriano e a noiva dele. A declaração, feita três meses antes da morte de Eliza Samudio, pegou mal e obrigou o goleiro a se retratar.


Dois dias depois, no Dia da Mulher, ele pediu desculpas, citando suas duas filhas. "Eu fui muito mal interpretado, talvez não tenha usado o termo certo na declaração. Peço desculpas a todos pelo que foi dito. Tenho filhas e as amo muito. Todas as mulheres merecem carinho."



Agressões recorrentes


De acordo com o Ministério Público, Bruno agrediu Eliza mais de uma vez antes de planejar o sequestro e morte dela. A primeira agressão ocorreu em julho de 2009, no hotel Barrabela, no Rio de Janeiro. Na ocasião, o goleiro a teria ameaçado de morte caso ela não abortasse o bebê.

Um mês depois, quando a vítima estava hospedada no hotel Transamérica, também no Rio, o goleiro fez novas ameaças de morte e agrediu Eliza fisicamente, segundo a denúncia do MP.

Na primeira semana de setembro de 2009, a modelo teve um sangramento por conta da gravidez e foi internada no hospital Leila Diniz, no Rio. Ao avisar Bruno do ocorrido, foi novamente destratada e ameaçada de morte.

Na madrugada de 13 de outubro de 2009, Eliza foi seqüestrada por Bruno e dois amigos na porta da casa onde estava morando com uma amiga, no Rio. Com a ajuda de Luiz Henrique Romão, o Macarrão, e outro amigo, o goleiro atraiu a modelo para dentro do carro dele e, no automóvel, apontou-lhe uma pistola, deu tapas no rosto dela.

Em seguida, os três a levaram para o apartamento dele na Barra da Tijuca. Lá, o grupo obrigou Eliza a ingerir medicamentos abortivos. Segundo a denúncia, Eliza ficou dopada por quase 12 horas.

Lei Maria da Penha


Após o desaparecimento da modelo vir à tona, organizações feministas acusaram a Polícia Civil de não fazer cumprir a lei Maria da Penha, que prevê a detenção dos agressores de mulheres e determina que estes não se aproximem das agredidas.

Durante a sessão na qual Bruno foi condenado, o promotor Henry Wagner de Castro citou o Dia da Mulher para sensibilizar o Conselho de Sentença, composto por cinco juradas e dois jurados.  "As senhoras merecem rosas. Merecem rosas pelo Dia Internacional da Mulher. Rasguem as vendas dessa defesa descomprometida."
quinta-feira, 7 de março de 2013
Os três homens que invadiram o fórum de Cândido Mendes, no últmo domingo (3) levaram quatro revólveres de calibres diversos e uma garrucha de fabricação artesanal. Ao contrário do que foi divulgado pela imprensa, não havia pistolas no prédio. Esses dados foram confirmados nesta quarta-feira (6) pelo diretor de Segurança Institucional do Tribunal de Justiça do Maranhão (TJMA), capitão Alexandre Magno, com base em levantamento da secretaria judicial da comarca, que também apontou o sumiço de dez quilos de maconha e papelotes de merla.
Por determinação do presidente do TJ, desembargador Antonio Guerreiro Júnior, o diretor esteve em Cândido Mendes hoje pela manhã para acompanhar com o Serviço de Inteligência da Política as investigações sobre a invasão do fórum. Magno confirmou que os bandidos estão sob cerco do militares e devem ser presos nas próximas horas. A PM estaria também no encalço dos arrombadores do fórum de Barra do Corda.
No caso de Cândido Mendes, a Polícia suspeita que os elementos façam parte do mesmo bando que nesta terça-feira (5) assaltou a agência dos Correios daquele município. Eles já foram identificados pela Polícia, que decretou prisão preventiva dos mesmos.
O diretor de Segurança Institucional do TJMA confirma que os três suspeitos de entrarem no fórum possuem passagem pela polícia e respondem a processos na comarca. Também são suspeitos de entrarem no prédio do Ministério Publico, em fevereiro, de onde levaram um notebook.
O acesso ao fórum ocorreu por caixa de ar-condicionado sem o aparelho. O local estava sem grade de proteção, e apenas uma folha de papel disfarçava o buraco. Na sala estava um armário de aço, de onde foram retiradas as armas e drogas.
Em mais uma medida para conter a invasão de fóruns no Estado, o presidente Guerreiro Junior enviou ofício ao secretário de Segurança Pública do Estado, Aluísio Mendes, em fevereiro, no qual solicitava que os quartéis regionais da Polícia Militar façam a custódia das armas vinculadas a processos em tramitação nas comarcas. O armamento vinculado a processos transitados em julgado é recolhido regularmente pela Diretoria, e encaminhado em seguida ao Exército para destruição.
(Ascom/TJMA)




 “O governo maranhense contrata aeronaves a peso de ouro, R$ 16 milhões, e - vivendo as suas contradições mais explicitas - não tem dinheiro para a escola, não tem dinheiro para a educação, mas tem dinheiro para contratar aeronaves a peso de ouro”, foi que essas palavras que o deputado estadual Bira do Pindaré (PT) protestou, na manhã desta quarta-feira (06), contra a inversão de prioridades mais uma vez feita pelo Governo do Estado.
As indagações feitas por Bira se dão pelas contradições do Governo, pois ao ponto que prometem 200 mil empregos e, em quatro anos de mandato, não cumprem, faz empréstimos sem justificativas relevantes e não mencionam sobre regularização fundiária ou sobre qualquer investimento na agricultura.  
“Os dados do CAGED revelam que o Maranhão está gerando menos empregos. Não há emprego na indústria, não há expansão na agricultura, que é a maior potência do nosso Estado. É nessa hora que temos a prova que os 200 mil empregos prometidos não são uma realidade no Estado do Maranhão. Quando a gente liga a televisão e ouve a Governadora, quando a gente lê o Estado do Maranhão, está lá o Senador José Sarney, dizendo que o Maranhão está bombando, que é o grande salto do desenvolvimento e etc... a verdade é que o Maranhão está crescendo, mas como rabo de cavalo, para baixo”, informou o parlamentar.
Pindaré cobrou ainda a falta de investimento do Governo estadual em relação a regularização fundiária e ao orçamento que nunca é destinado para a agricultura, apesar da luta da FETAEMA. Conforme Bira, esses são apenas dois dos grandes problemas que o povo maranhense enfrenta sem nenhuma piedade da governadora. Atitudes como essa que invertem a prioridade, o povo é sacrificado para o agrado de políticos.
“A FETAEMA está lutando para ver se consegue descolar pelo menos 01% para o orçamento da agricultura e não consegue porque a Agricultura Familiar não tem apoio. A questão fundiária não tem apoio, não há um programa focado na regularização fundiária no Estado do Maranhão, estão aí os quilombolas há séculos tentando conseguir a titularidade de suas terras e não conseguem, anda a passos de tartarugas, é um título aqui e outro acolá. Para tentar agraciar não as comunidades quilombolas, mas políticos que querem se beneficiar na véspera de eleição” afirmou o petista.
Para Bira, a realidade é que o Maranhão vive uma situação decadente, problemática, gravíssima e o governo ignora, tentando enganar a população com promessas vazias que há 50 anos é a mesma e não se resolve. O deputado concluiu o discurso reafirmando as criticas ao empréstimo escandaloso, aprovado pela Assembleia Legislativa para o Governo do Estado.
“O empréstimo que acabou de ser autorizado por esta Casa de R$ 1,5 bilhões demonstra que é um discurso falacioso. Porque o governo disse que o empréstimo era para fazer uma economia e, no entanto, está aí, o deputado Rubens traz um dado para nós, R$ 16 milhões só com contrato de aeronave em detrimento a outras políticas muito mais importantes. Portanto, o discurso da economia em relação ao empréstimo é um discurso falacioso, porque se fosse para economizar, o Governo reduziria um contrato desse e priorizaria outras políticas muito mais importantes do que ficar transportando não sei nem quem”, finalizou ele.


O grande potencial agrícola do Brasil foi o ponto de destaque da audiência entre o ministro da Agricultura, Mendes Ribeiro, e o presidente da Embratur, Flávio Dino. Os dois representantes do governo federal querem unir forças para aumentar o incentivo ao turismo rural no país e o uso de produtos da agricultura para promoção internacional do Brasil.
A reunião com o Ministério da Agricultura faz parte de uma série de ações da Embratur para o desenvolvimento do turismo rural, que deverá ser fortalecido no Brasil durante a Copa. Apoio ao roteiro da Uva e do Vinho (no Rio Grande do Sul) e criação de novas categorias de turismo rural foram temas de debate entre os dois representantes do governo federal.
“O aumento das parcerias em feiras de internacionais realizadas no Brasil e no exterior fazem parte dessa política articulada de expansão do nosso turismo. Quando se pensa em crescimento das visitas internacionais, precisamos ampliar o leque de opções para o turista e, no Brasil, isto pode ser feito com muita facilidade. Temos diversas potencialidades,” disse Flávio Dino, destacando a necessidade de incremento no turismo rural do país.
Flávio Dino apontou como algumas soluções a criação de roteiros agrícolas, aproveitando as diferentes regiões do país e sua produção; o uso de produtos da agricultura brasileira na promoção internacional do país; e a atuação conjunta da Embratur e do Ministério da Agricultura em feiras internacionais.
Agricultura do Maranhão
A agricultura do Maranhão também foi tema de debate entre Flávio Dino e Mendes Ribeiro. O presidente da Embratur apresentou os números do investimento em agricultura no Maranhão. Para 2013, o governo do estado prevê a aplicação de R$ 65 milhões na promoção da agricultura maranhense.
O valor corresponde a 0,5% do total do orçamento estadual. Para Flávio Dino, o baixo percentual é preocupante e sugere a necessidade de transformar o desenvolvimento da agricultura em prioridade para o crescimento do Maranhão.
“Temos terra produtivas e muitas fontes de recursos hídricos que nos capacitam para despontar como grandes produtores agrícolas. Basta apenas que haja uma política planejada de incentivo à agricultura do Maranhão. Isto somente acontecerá com um governo que encare com responsabilidade o desenvolvimento da agricultura maranhense, aumentando a porcentagem no investimento,” disse.

Facebook

Rádio do seu Coração

Arquivo do blog